Brasil
  • (1) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Chuvas no Rio de Janeiro: Uma cidade refém do caos e da insegurança Maior temporal desde a tragédia de 2011 deixou o Rio de Janeiro sitiado. Pelo menos duas pessoas morreram. Motoristas e passageiros foram alvo de saques e assaltos

Daniela Garcia - Correio Braziliense

Publicação: 12/12/2013 08:19 Atualização:

Com a Avenida Brasil interditada pelos alagamentos, muita gente teve que seguir a pé para o trabalho (Bruno Gonzalez/ Agência O Globo)
Com a Avenida Brasil interditada pelos alagamentos, muita gente teve que seguir a pé para o trabalho

Cidade que receberá grandes eventos esportivos, como a Copa do Mundo e as Olimpíadas, viveu ontem um dia de caos e terror. Sem contar com investimentos para conter os estragos das fortes chuvas que atingem o estado entre dezembro e janeiro, moradores da região metropolitana do Rio de Janeiro viraram reféns de uma desordem geral provocada por uma tempestade.

Até a noite de ontem, havia a confirmação de duas mortes na Baixada Fluminense. Cerca de 2 mil pessoas estão desalojadas. Vias importantes como a Avenida Brasil, a Avenida Radial Oeste e a Rodovia Presidente Dutra, que liga a cidade a São Paulo, tiveram trechos totalmente interditados por alagamentos.

Na tentativa de amenizar o caos, coube ao prefeito da cidade, Eduardo Paes (PMDB), fazer um apelo à população para que evitasse sair de casa. Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), o temporal foi o mais intenso desde as chuvas do verão de 2010, que deixaram mais de mil mortos na região serrana do estado.

Leia mais notícias em Brasil

Duas das cidades mais afetadas pela chuva foram Nova Iguaçu e Japeri, ambas na Baixada Fluminense. Os respectivos prefeitos, Nelson Bornier (PMDB) e Ivaldo Barbosa dos Santos (PSD), decretaram estado de calamidade pública. Há cerca de 2 mil desalojados nos municípios, segundo estimativa da Defesa Civil. Em Nova Iguaçu, o pedreiro Martinho da Silva, 50 anos, está desaparecido desde o começo da tarde de ontem. Ele caiu em um rio às margens da Via Dutra.

A matéria completa está disponível aqui, para assinantes. Para assinar, clique aqui

Esta matéria tem: (1) comentários

Autor: Raimunda Santos
Os cariocas não se preocupem o ano que vem tem eleição e políticos mentirosos e enganadores apareceram novamente dizendo o que a Presidente sempre diz %u201Cque vai destinar milhões em verbas para os estados que sofrem com as enchentes%u201D. Quando são reeleitos ou eleitos dizem que não sabiam de na | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.