Brasil
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Número de mortos em decorrência das chuvas chega a 18 em Itaoca Até o momento, há três pessoas hospitalizadas e nove desaparecidas

Agência Brasil

Publicação: 17/01/2014 15:14 Atualização:

Moradores de Itaoca, localizada no Vale do Ribeira, região sudeste do Estado de São Paulo, contabilizam prejuízos e buscam por desaparecidos depois de enchente que atingiu o município no último dia 12 (Marcelo Camargo/ Agência Brasil)
Moradores de Itaoca, localizada no Vale do Ribeira, região sudeste do Estado de São Paulo, contabilizam prejuízos e buscam por desaparecidos depois de enchente que atingiu o município no último dia 12

São Paulo – O número de mortos em decorrência das chuvas em Itaoca (SP) já chega a 18, segundo balanço da Defesa Civil do estado de São Paulo divulgado às 12h. Apenas uma das vítimas ainda não foi identificada. Até o momento, há três pessoas hospitalizadas e nove desaparecidas. Na Escola Municipal Elias Lages de Magalhães estão abrigadas 21 pessoas. Aproximadamente 83 famílias (332 pessoas) estão desalojadas.

O Fundo Social de Itaoca pede que as pessoas doem café, produtos de higiene pessoal e de limpeza, que estão em falta. As demais doações devem ser feitas apenas na próxima semana, por conta da falta de espaço para estocagem na cidade.

“Precisa ligar aqui para confirmar de onde está vindo [a doação] e a quantidade. Os depósitos encontram-se bem lotados. Mas produtos de higiene, limpeza e café estão em falta”, disse Andrea Fortes, do Fundo Social de Itaoca. O telefone para contato é 15 3557 1143.

Leia mais notícias em Brasil

A prefeitura divulgou os números das contas bancárias do Fundo Social (Banco Bradesco, agência 2027-3 e conta 1003321-7), e da conta SOS Itaoca (Banco do Brasil, agência: 3637-4 e conta 100000-4) para realização de doações às vítimas.

De acordo com a Defesa Civil ainda operam na cidade 15 equipes do Corpo de Bombeiros que contam com a ajuda de cães farejadores e do helicóptero Águia. A prefeitura está fazendo o levantamento dos prejuízos e das necessidades de recursos para as obras de reparos. Ontem, os governos federal e estadual reconheceram o estado de calamidade pública que permite o repasse de recursos para auxiliar nesses trabalhos.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.



  • Últimas notícias
  • Mais acessadas