Brasil
  • (7) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

PF desvenda maior fraude da história da Caixa: R$ 73 milhões roubados Até agora já foram recuperados aproximadamente 70% do dinheiro desviado

Leandro Kleber

Publicação: 18/01/2014 12:53 Atualização: 18/01/2014 13:24

A Polícia Federal (PF) desencadeou na manhã deste sábado (18/1) operação contra a maior fraude da história da Caixa Econômica Federal (CEF). Chamada de Éskhara, a investigação foi desbaratada com o apoio do Ministério Público Federal (MPF) nos estados de Tocantins, Goiás, Maranhão e São Paulo.

A fraude consistiu na abertura de uma conta corrente em uma agência da Caixa no município de Tocantinópolis (TO,) em nome de uma pessoa fictícia, criada para receber um falso prêmio da Mega-Sena no valor aproximado de R$ 73 milhões. Em seguida, de acordo com a PF, o dinheiro creditado foi transferido para diversas contas.

Leia mais notícias em Brasil


Cinco mandados de prisão preventiva, 10 mandados de busca e apreensão e 1 mandado de condução coercitiva estão sendo cumpridos hoje. Segundo a PF, até agora, já foram recuperados aproximadamente 70% do dinheiro desviado. Sessenta e cinco policiais federais participaram da operação.

Os envolvidos responderão pelos crimes de peculato , receptação majorada, formação de quadrilha e lavagem de dinheiro, cujas penas somadas, caso sejam condenados, podem chegar a 29 anos de prisão. Há indícios da participação de um suplente de deputado federal do Maranhão no esquema. O nome não foi divulgado.

As investigações ainda estão em andamento e a PF trabalha com a possibilidade de existirem outros fraudadores. Novas prisões podem ser feitas.

Esta matéria tem: (7) comentários

Autor: JOSÉ COSTA
A Polícia Federal merece elogios. Modestamente, penso que deva entrar firme no desbaratamento da bandidagem que há na %u201Cjustiça brasileira%u201D, contra os bandidos de toga, porque, esses dão mais prejuízos ao País, do que todos os roubos praticados por pessoas físicas e jurídicas privadas, junta | Denuncie |

Autor: Manuel Santiago
Não existiriam presídios. Os criminosos seriam visualmente identificados, o que inibiria outras pessoas de também delinquirem. Os homicidas não teriam uma segunda chance. Eis ai as leis divina. Perfeita. Mas o homem quis inventar... | Denuncie |

Autor: ANTÔNIO CARLOS DE ALMEIDA
Luz? Que luz? Não tem nem mais túnel. | Denuncie |

Autor: Elias Rosa
Para um cidadão de bem abrir uma conta em qualquer agencia bancaria, é preciso apresentar tanto documentos q dá vontade até de desistir, só ainda não pediram o atestado de óbito do titular da conta, o bandido abre uma conta fictícia na maior tranquilidade e ninguem exige nada, aí tem coisa!!! | Denuncie |

Autor: arnaldo abinader
e tem gente que ainda acredita nessa MEGASENA ?? haja roubalheira e milhares de pessoas passando fome !! | Denuncie |

Autor: Carlos Visionário
Quantos prêmios não já saíram assim......se pensa.. | Denuncie |

Autor: Anilton Moccio
Tem muito ladrão nesse país, ninguém mais tem medo da lei, não há mais luz no fim do túnel, já foi roubada também. | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.



  • Últimas notícias
  • Mais acessadas