Brasil
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Sol e praias lotadas marcam comemorações do Dia de São Sebastião, no RJ O arcebispo do Rio, Orani Tempesta, lembrou, durante missa, o processo de beatificação de Jerônimo e Zélia, que poderão ser o primeiro casal de santos do Brasil

Agência Brasil

Publicação: 20/01/2014 12:58 Atualização:

Rio de Janeiro - Sol forte e praias lotadas marcam esta segunda-feira (20/1) o feriado dedicado ao padroeiro da cidade, São Sebastião. As comemorações começaram às 5h, com a primeira de uma série de missas celebradas na Paróquia de São Sebastião, mais conhecida como Igreja dos Capuchinhos, na Tijuca, zona norte.

No local, o arcebispo do Rio, dom Orani Tempesta, nomeado cardeal pelo papa Francisco no último dia 12, celebrou missa solene às 10h, à qual compareceram centenas de fiéis. O arcebispo lembrou, durante a missa, o processo de beatificação de Jerônimo e Zélia, que poderão ser o primeiro casal de santos do Brasil.

Após a missa, os restos mortais de Jerônimo de Castro Abreu Magalhães e Zélia Pedreira Abreu Magalhães foram levados pelo arcebispo para a Paróquia Nossa Senhora da Conceição, na Gávea, zona sul, onde ficarão expostos até o fim do processo para beatificação, que foi aberto no último sábado (18/1) pela Arquidiocese do Rio. Esse é o primeiro passo para a canonização.

O casal morou no bairro da Tijuca, após o casamento em 1876, e teve 13 filhos, dos quais nove se dedicaram à vida religiosa. Dom Orani Tempesta salientou as virtudes do casal, que tinha como premissa de vida o amor ao próximo.

Leia mais notícias em Brasil

Às 16h, a imagem do padroeiro da cidade sairá em procissão da Igreja dos Capuchinhos em direção à Catedral Metropolitana, no centro do Rio, onde o arcebispo abrirá o Ano da Caridade e celebrará missa.

O Dia do Padroeiro foi comemorado também, ao amanhecer desta segunda-feira (20), com alvorada na quadra da Escola de Samba Portela, localizada em Madureira, na zona norte. O evento se repete todos os anos, homenageando São Sebastião, que é padroeiro da bateria da agremiação carnavalesca.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.