Brasil
  • (2) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Prefeito de Coari é detido pela polícia do AM e encaminhado para cela Os mandados de prisão de outros cinco suspeitos de colaborarem com os crimes foram cumpridos pela Polícia Civil ontem em Coari, cidade que fica a 363 quilômetros de Manaus.

Agência Brasil

Publicação: 09/02/2014 14:04 Atualização:

Acusado de pedofilia, o prefeito de Coari (AM), Adail Pinheiro (PRP), está preso desde sábado (8/2) em uma cela da Polícia Militar, em Manaus. Pinheiro se entregou na tarde desse sábado na Delegacia Geral da Polícia Civil, também na capital amazonense, de onde foi levado ao Comando de Policiamento de Área da PM, cumprindo decisão da Justiça.

Leia mais notícias em Brasil

Os mandados de prisão de outros cinco suspeitos de colaborarem com os crimes foram cumpridos pela Polícia Civil ontem em Coari, cidade que fica a 363 quilômetros de Manaus. Dentre eles, funcionários da prefeitura de Coari. Todos foram levados a Manaus e se encontram no Instituto Prisional Antônio Trindade.

Estão detidos Eduardo Jorge de Oliveira Alves, chefe de gabinete da prefeitura, Francisco Erimar Torres de Oliveira, secretário de Terras e Habitação de Coari, e os funcionários públicos Alzenir Maia Cordeiro, Anselmo do Nascimento Santos e Elias do Nascimento Santos.

De acordo com a assessoria de imprensa da Polícia Civil, os mandatos de prisão foram entregues por um oficial de Justiça na noite de sexta-feira (7). A ordem partiu do Tribunal de Justiça do Amazonas após pedido de prisão preventiva do Ministério Público do Amazonas (MP-AM).

Além de ser suspeito de abusar sexualmente de meninas, Adail Pinheiro é acusado de formação de quadrilha. O prefeito também é réu em pelo menos 70 processos que tramitam na Justiça do Amazonas. Apesar da gravidade de algumas das acusações, os processos estão parados à espera de julgamento, suscitando a hipótese dele estar sendo beneficiado por juízes.
Tags:

Esta matéria tem: (2) comentários

Autor: José Corrêa
Há tempo que vejo notícias sobre esse pedófilo, não sei porque ainda não está atrás das grades. | Denuncie |

Autor: fabio ribeiro
Prenderam o Adail, o tarado da floresta, estuprador de criancinhas indefesas, o "grande comedor" da Amazônia? Até que enfim! Mas, obterá habeas corpus, passando poucas horas na cela e saindo atrás de futuras vítimas? Aguardemos!!! | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.