Brasil
  • (7) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Cinegrafistas protestam em frente ao Congresso contra a morte de colega Santiago Ilídio Andrade teve morte cerebral, em consequência do ferimento feito por um rojão

Amanda Almeida

Publicação: 10/02/2014 19:05 Atualização: 10/02/2014 19:26

 (Amanda Almeida/CB/D.A Press)


Aproximadamente vinte cinegrafistas cruzaram os braços e deixaram as câmeras no chão na tarde desta segunda-feira (10/2) em homenagem a Santiago Ilídio Andrade, morto enquanto cobria uma manifestação no Rio de Janeiro. O ato, realizado em frente ao Congresso Nacional, durou cinco minutos.

A imagem de um ato de cinegrafistas no Rio de Janeiro tomou conta das redes sociais (Reprodução/Facebook)
A imagem de um ato de cinegrafistas no Rio de Janeiro tomou conta das redes sociais


Um grupo de aproximadamente 50 repórteres, cinegrafistas e fotógrafos fizeram um ato na praça localizada atrás da Igreja da Candelária (RJ). Fotógrafos e cinegrafistas colocaram as câmeras no chão e fizeram um minuto de silêncio.

O prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, lamentou a morte do cinegrafista da TV Bandeirantes. "A violência que tirou a vida do profissional da imprensa, no momento em que exercia sua função, representa um ataque à liberdade de informação e às instituições democráticas”, afirmou Paes.

A presidente Dilma Rousseff também falou sobre a tragédia no perfil oficial do Twitter. “A liberdade de manifestação é um princípio fundamental da democracia e jamais pode ser usada para matar, ferir, agredir e ameaçar vidas humanas, nem depredar patrimônio público ou privado”, ressaltou Dilma.

*Com informações da Agência Brasil

Esta matéria tem: (7) comentários

Autor: helio santos
EM NOSSA BANDEIRA ESTA ESCRITO BEM CLARO NA LINGUA PORTUGUESA - ORDEM E PROGRESSO, INFELIZMENTE NOSSO BRASIL ESTA DESGOVERNADO, O REGIME CIVIL PERDEU AS REDEAS, NA ATUAL SITUAÇÃO A UNICA SAIDA E A VOLTA DO REGIME MILITAR, NÃO ADIANTA OUTRA ESTRATEGIA, QUEREMOS SEGURANÇA PRA ONTEM URGENTISSIMO. | Denuncie |

Autor: Fábio Santos
Imprensa hipocrita. | Denuncie |

Autor: Antonio Silva
Acho muita hipocrisia... se fosse um policial ou um transeunte morto, não estariam "nem aí". Como foi jornalista... pra mídia existem dois pesos e duas medidas! | Denuncie |

Autor: carlos alberto ananias de oliveira oliveira
Lamentamos a morte desse senhor pois somos todos vitima desses governantes inescrupulosos que só pensa em eleições para continuar roubando nossos direitos de ir e vir com dignidade. | Denuncie |

Autor: Luiz Nunes
O pessoal dos Direitos Humanos não aparece nessa hora, para apoiar a família e os profissionais da área. Eles só defendem bandidos. | Denuncie |

Autor: Lucas da Silva
Toda mudança requer sacrifícios e tragédias ocorrerão, infelizmente. | Denuncie |

Autor: Olavo Silva
Quando morre alguém ligado a Imprensa, todos ficam lamentando o tempo todo. O noticiário só fala disso, mas qdo morre um Policial além de não darem o mesmo tratamento ainda o tem como culpado. OBS; O Cinegrafista estava no lugar e hora errados. | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.