Brasil
  • (4) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Justiça do RJ decreta prisão de segundo envolvido na morte de cinegrafista A identidade do jovem que acendeu o rojão que acertou Santiago Andrade ainda não foi divulgada

Fernando Braga

Publicação: 11/02/2014 00:16 Atualização: 11/02/2014 10:35

A Justiça do Rio de Janeiro acatou o pedido feito pelo delegado Maurício Luciano, da 17ª DP (São Cristóvão) e determinou a prisão temporária do jovem suspeito de ter disparado o rojão que acertou e matou o cinegrafista da Band Santiago Andrade, de 49 anos. O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro não divulgou o nome do suspeito.

No fim da tarde desta segunda-feira (10/2), o delegadi convocou a imprensa para informar que já tinha o reconhecimento do segundo envolvido na morte do repórter cinematográfico. Segundo ele, Fábio Raposo, tatuador que está preso por de envolvimento na confusão que resultou na morte do profissional, reconheceu e informou o nome da pessoa que teria acendido o explosivo. No entanto, a identificação não foi divulgada para a imprensa.

Leia mais notícias em Brasil

"Há evidente necessidade de se resguardar a instrução, a fim de que as demais provas sejam colhidas pela autoridade policial, garantindo-se, ao final, a instrução da causa, que é de grande repercussão e que merece integral apuração, dada a lesividade social que os eventos violentos havidos nas recentes manifestações nesta cidade não mais se repitam", diz o parecer da Justiça do Rio.

A assessoria da Polícia Civil informou que os trabalhos de investigação para apurar a morte do cinegrafista vêm se desenvolvendo "incansavelmente". Os dois suspeitos serão indiciados por homicídio. Se condenados, eles podem pegar até 35 anos de prisão.

Com Agência Brasil.
Tags:

Esta matéria tem: (4) comentários

Autor: José Corrêa
Precisam realmente de punição, mas não podem servir de bodes expiatório de um país desgovernado em que a bandidagem tomou de conta. | Denuncie |

Autor: José Corrêa
O país está um bagunça, ningué se meche para revisar a legislação penal. Precisamos de um governo mais enérgico. | Denuncie |

Autor: Daniel Franco
O que ocorreu foi que estes grupos de filhinhos de papai (black blocs) foram incentivados pela grande mídia televisiva ate a pouco tempo, ou seja, quando a Policia reprimia, a imprensa defendia esse bando de desocupado e bandidos. Era só que faltava o Governo Federal negociar com esses terroristas m | Denuncie |

Autor: Branca Costa
vão usar os sujeitos de bode expiatório. | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.