Brasil
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Começa restrição a taxistas em corredores de ônibus de São Paulo Eles conseguiram, no entanto, livre acesso às faixas exclusivas desde que estejam transportando passageiros

Agência Brasil

Publicação: 17/03/2014 13:27 Atualização:

A partir desta segunda-feira (17/3), taxistas de São Paulo não poderão mais circular nos corredores exclusivos de ônibus, nos horários das 6h às 9h e das 16h às 20h. Eles conseguiram, no entanto, livre acesso às faixas exclusivas desde que estejam transportando passageiros. Os corredores ficam à direita das marginais Tietê e Pinheiros e também nas avenidas Sumaré, Corifeu de Azevedo Marques, Indianópolis e no corredor norte-sul.

Nessa ligação, entre as zonas norte e sul, estão incluídas as avenidas Santos Dumont, Tiradentes, 23 de Maio, Rubem Berta, Moreira Guimarães, Washington Luiz e Interlagos. A exceção é a Avenida Professor Ascendino Reis, onde a restrição se mantém, independentemente de ter passageiros no veículo. Nos locais com liberação, o trânsito será monitorado e, caso seja verificado algum prejuízo à circulação de ônibus, a prefeitura pode modificar o esquema.

Leia mais notícias em Brasil

Os taxistas terão um prazo para se adequar às novas regras, já que as multas só começam a ser cobradas a partir de 14 de abril. De acordo com a prefeitura, de hoje até o início da aplicação das penalidades aos infratores, serão implantadas sinalizações nas vias. A proibição aos taxisas surgiu depois de um estudo feito pela Prefeitura, por recomendação do Ministério Público Estadual.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.

PUBLICIDADE



  • Últimas notícias
  • Mais acessadas