Brasil
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Complexo da Maré será ocupado nas primeiras horas deste domingo Operação abre espaço para que as Forças Armadas entrem nas 16 favelas do complexo, localizado às margens da Avenida Brasil

Agência Brasil

Publicação: 29/03/2014 18:25 Atualização: 29/03/2014 19:00

Cerca de mil policiais das forças especiais da Polícia Militar do Rio de Janeiro deverão dar início à ocupação do Complexo da Maré nas primeiras horas deste domingo, abrindo espaço para que as Forças Armadas entrem nas 16 favelas do complexo, localizado às margens da Avenida Brasil – a principal via de ligação das zonas norte e oeste com o centro e a zona sul da capital fluminense.

Desde o dia 21 a Polícia Militar, especialmente os homens do Batalhão de Operações Especiais (Bope), vem implantando ações não só no complexo de favelas, mas também em comunidades direta ou indiretamente ligadas à Maré.

Leia mais notícias em Brasil


Ao longo deste período, cerca de 60 pessoas foram presas suspeitas de ligação com o tráfico. Armas, munições e drogas foram apreendidas e casas revistadas. Na noite de ontem (28) a presidenta Dilma Rousseff assinou o decreto de Garantia da Lei e da Ordem (GLO), que autoriza e legitima o deslocamento de tropas das Forças Armadas para o complexo de favelas, a fim de ajudar na garantia da segurança e da ordem nas comunidades até que as unidades de Polícia Pacificadora (UPPs) sejam instaladas no complexo. A instalação das UPPs na Maré ocorrerá, segundo o governador Sérgio Cabral, a partir do segundo semestre deste ano. O decreto será publicado segunda-feira, no Diário Oficial da União nesta segunda-feira. As Forças Armadas deverão permanecer na Maré até 31 de julho – embora o decreto abra a possibilidade de ampliação deste prazo.

Durante todo o dia de hoje houve tranquilidade nas 16 favelas do Complexo da Maré, embora os moradores estejam ansiosos na expectativa da ocupação. Embora não tenha, em nenhum momento, confirmado a ocupação da comunidade da Maré para o início da manhã deste domingo, o governador Sérgio Cabral, em entrevista concedida hoje (29) já dava o ato como decisão tomada e já anunciava a disposição dos governos federal, estadual e municipal de iniciarem de imediato a “ocupação social” da região, com escolas, creches, serviços de saúde e de recreação e lazer para as crianças.

Praticamente todas as entradas e saídas do Complexo da Maré já estão ocupados estrategicamente por viaturas da Polícia Militar para impedir, ou tentar interceptar a entrada e saída de armas e drogas. A imprensa do estado também já dá a ocupação como fato decidido e já traçaram estratégias de cobertura da ação de ocupação policial.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.

PUBLICIDADE



  • Últimas notícias
  • Mais acessadas