Brasil
  • (6) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Julgamento do Carandiru foi vitória contra impunidade, diz Dilma Por meio de conta no Twitter, a presidente destacou que o julgamento garantiu aos réus o amplo direito de defesa e transcorreu em conformidade com as regras do Estado de Direito

Agência Brasil

Publicação: 03/04/2014 11:03 Atualização: 03/04/2014 11:11

Dilma defende julgamento que condenou 15 policiais militares integrantes do Comando de Operações Especiais a 48 anos de prisão (Evaristo Sa/AFP Photo )
Dilma defende julgamento que condenou 15 policiais militares integrantes do Comando de Operações Especiais a 48 anos de prisão
A presidente Dilma Rousseff disse nesta quinta-feira (3/4), que o resultado do julgamento do Massacre do Carandiru representa uma vitória contra a impunidade. Por meio de sua conta no Twitter, a presidente destacou que o julgamento de parte dos policiais que entraram no presídio atirando a título de conter uma rebelião de presos garantiu aos réus o amplo direito de defesa e transcorreu em conformidade com as regras do Estado de Direito. Por envolver grande número de réus e vítimas, o julgamento foi desmembrado em quatro blocos, cada um deles relativo a um dos quatro andares do Pavilhão 9 da Casa de Detenção, palco da ação policial que, no dia 2 de outubro de 1992, resultou na morte de 111 presos.

Na quarta-feira (2/4), durante o julgamento do quarto e último bloco, 15 policiais militares integrantes do Comando de Operações Especiais (COE) foram condenados a 48 anos de prisão cada um, pela morte de quatro presos do quarto pavimento do pavilhão. Os mesmos policiais foram absolvidos pela tentativa de homicídio de dois detentos e pela morte de outros quatro, provocada por armas brancas.

Leia mais notícias em Brasil

No total, 73 policiais foram condenados. Na primeira etapa do julgamento, ocorrida em abril do ano passado, 23 policiais foram condenados a 156 anos de reclusão cada um pela morte de 13 detentos. Na segunda etapa, em agosto, 25 policiais foram condenados a 624 anos de reclusão cada um pela morte de 52 detentos. Em 19 de março, mais dez policiais militares foram considerados culpados pela morte de oito detentos: nove dos policiais foram condenados a 96 anos de prisão cada um, enquanto o outro foi condenado a 104 anos por já ter uma condenação anterior.


Conhecida como Carandiru, a Casa de Detenção de São Paulo funcionava na zona norte da capital. Foi inaugurada em 1920 e chegou a abrigar mais de 8 mil presos durante o período de maior lotação – sendo apontado como o maior presídio da América Latina. A unidade foi desativada e parcialmente demolida em 2002.

 

 

Esta matéria tem: (6) comentários

Autor: moshe ribeiro
O quê? disse alguma mentira?Bandidos não ficam impunes?Policiais mal pagos e estressados não são tentados a agir fora da lei. A lei não deve endurecer para todos? Ou só para policiais, porque policial nasce em área nobre e não é vítima da sociedade...só o pobre o assassino.até um de vcs dar de cara.. | Denuncie |

Autor: CLEITON PEREIRA DA SILVA
O BRASIL só vai melhorar quando o povo assumir de vez as ruas e retirar do governo e da política todos que lezaram a nação. É PRECISO MUDAR O BRASIL E O POVO QUE AINDA VIVE ESCRAVO DE UMA POLITICA QUE É PARA PARTIDOS.QUEM QUISER SER POLITICO QUE PAGUE DO BOLSO ASSIM QUE DEVERIA SER. | Denuncie |

Autor: CLEITON PEREIRA DA SILVA
-Quero ver se essa tal impunidade vai levar a Dilma ao IMPECHEMAN ,a compra absurdo da refinaria levou hoje a Petrobrás a prejuízos e o LULA também fez parte disso.Se é para ser correto,então que respondam todos que participaram dessa armação que deve ter dado muito dinheiro para uns e outros do PT. | Denuncie |

Autor: Luiz Antunes Bezerra Rodrigues
Quando será julgado os crimes cometidos pela Dilma, quando ela e seu bando queriam implantar o comunismo no Brasil. Ela apóia punição aos militares, porém, finge-se de santa que, na época da luta armada jogava rosas e cravos nos militares, nunca foi "violenta". | Denuncie |

Autor: Eduardo Reis
blá, blá, blá!!! | Denuncie |

Autor: moshe ribeiro
Bom, vitória contra a impunidade...E a impunidade legalizada?As penas inócuas aplicadas a bandidos perigosíssimos?A impunidade dos marginais incentiva a ira de policiais estressados a fazerem justiça por meios próprios.A lei deveria ser dura com todos: Policiais e sobretudo com marginais!!! | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.



  • Últimas notícias
  • Mais acessadas