Brasil
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Jovem de 19 anos é preso suspeito de atear fogo em ônibus em Osasco Para a polícia, o ataque à garagem dos ônibus pode ter sido uma resposta da quadrilha ligada ao traficante

Publicação: 23/04/2014 08:26 Atualização:

A polícia prendeu um jovem de 19 anos suspeito de participar do ataque à garagem da Auto Viação Urubupungá, em Osasco (na Grande São Paulo), na madrugada de terça-feira (22/4), que deixou 34 ônibus queimados. A empresa estimou os prejuízos em R$ 10 milhões. O preso, Edilson Almeida Silva, é irmão gêmeo de um traficante assassinado na cidade na segunda-feira.


Leia mais notícias em Brasil

Para a polícia, o ataque à garagem dos ônibus pode ter sido uma resposta da quadrilha ligada ao traficante. O rapaz, porém nega as acusações. Cinco pessoas ainda estão sendo procuradas. A invasão à Urubupungá teve a participação de pelo menos seis pessoas fortemente armadas, que renderam funcionários e atearam fogo em alguns coletivos. As chamas se alastraram e atingiram os demais veículos.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.



  • Últimas notícias
  • Mais acessadas