Brasil
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

CNJ lança campanha de conscientização sobre direitos trabalhistas Diariamente, serão publicados posts nas páginas do conselho sobre temas como serviço público, jornada de trabalho, direito dos trabalhadores, entre outros, com a hashtag #MesDoTrabalhador

Agência Brasil

Publicação: 01/05/2014 17:49 Atualização:

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) lançou hoje (1ª/5) uma campanha em redes sociais para a conscientização sobre os direitos trabalhistas. A partir deste 1º de maio, quando se comemora o Dia do Trabalho, serão postadas imagens com dicas e informações sobre o mundo do trabalho nas páginas do CNJ.

A campanha será mantida até o final do mês. Diariamente, serão publicados posts nas páginas do conselho sobre temas como serviço público, jornada de trabalho, direito dos trabalhadores, entre outros, com a hashtag #MesDoTrabalhador.

Leia mais notícias em Brasil

No Facebook, o conselho publicou uma foto do ex-piloto da Fórmula 1, Ayrton Senna, que morreu no dia 1º de maio, há 20 anos. Ele é citado pelo CNJ como um exemplo de pessoa que buscou perfeição em sua profissão. Ao longo do dia, serão publicadas outras homenagens - aos trabalhadores do judiciário e à igualdade de gênero no ambiente de trabalho.

Milhões de pessoas em todo o mundo saíram às ruas nesta quinta-feira para lembrar o Dia do Trabalho, marcado por concentrações pacíficas, mas também confrontos com a polícia e registro de feridos. O papa Francisco usou sua conta no Twitter para mandar uma mensagem aos trabalhadores e aos governantes em comemoração à data.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.



  • Últimas notícias
  • Mais acessadas