Brasil
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Festival gratuito apresenta 200 espetáculos de arte circense no Rio As apresentações ocuparão 60 espaços em bairros da cidade, localizados em todas as regiões

Agência Brasil

Publicação: 08/05/2014 17:29 Atualização: 08/05/2014 17:29

Mais de 200 espetáculos gratuitos serão apresentados, no Rio de Janeiro, durante o 2º Festival Internacional de Circo do Rio, que tem início nesta quinta-feira (8/5). 300 artistas de diferentes regiões brasileiras e de treze países devem participar da mostra, que segue até o próximo dia 18.

Hoje, a abertura do festival será realizada no Theatro Municipal, às 20h, somente para convidados. O projeto é uma parceria entre o Circo Crescer e Viver, Estúdio M'Baraká e a prefeitura do Rio, por meio da Secretaria Municipal da Cultura e do Instituto Pereira Passos - UPP Social. A ideia é promover uma troca de saberes e conhecimento por meio das atrações do circo contemporâneo.

As apresentações ocuparão 60 espaços em bairros da cidade, localizados em todas as regiões e em cerca de 30 comunidades que contam com a presença da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP). O festival também vai ocorrer em quatro lonas de circo, três parques, duas bibliotecas, além do Theatro Municipal e da Cidade das Artes, na Barra da Tijuca.

De acordo com o diretor-geral do Festival Internacional de Circo, Junior Perim, o objetivo do festival é levar o espetáculo para toda a população carioca e também mostrar uma nova geração de artistas.

"A proposta do festival é reposicionar o circo em uma esfera imaginária popular carioca e mostrar uma nova geração de artistas que vem trabalhando na construção de um novo circo, com novas possibilidades de artes e espetáculos narrativos. Queremos levar ao espectador a sensação conflituosa do desejo e o temor de ver determinadas cenas", disse.

Leia mais notícias em Brasil

Para Perim, é importante levar o circo para toda a cidade. "A gente quer beneficiar toda a população que não tem acesso à produção artística que fica circunscrita no centro e zona sul da cidade. Nós precisamos fazer chegar em toda a cidade, para todo o conjunto da população", defendeu.

Israel, República Tcheca, Holanda, Espanha, Argentina, Colômbia, Portugal, Bélgica, Inglaterra, França, Itália, Peru e Chile vão apresentar espetáculos que mostram um amplo movimento de atualização das artes circenses, em todo o mundo. Os espetáculos também criam relações inovadoras entre os artistas e instrumentos clássicos como as acrobacias em trampolim, lira, trapézio, corda, báscula, entre outras técnicas.
A expectativa é mobilizar um público de mais de 250 mil espectadores durante o festival.

As apresentações começam às 10h e vão ate às 22h e a programação completa pode ser vista no site do evento.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.

PUBLICIDADE



  • Últimas notícias
  • Mais acessadas