Brasil
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Encontro mostra cultura do Cerrado e pede preservação do bioma Expectativa dos organizadores é que 30 mil pessoas passem pelo evento, montado no Complexo Cultural da Funarte, na área central de Brasília

Agência Brasil

Publicação: 05/06/2014 18:55 Atualização:

Começou nesta quinta-feira (5/6) em Brasília o 8º Encontro e Feira dos Povos do Cerrado, que reúne cerca de 700 representantes de comunidades tradicionais, indígenas, quilombolas, geraizeiros, vazanteiros, quebradeiras de coco e agricultores familiares. Organizado pela Rede Cerrado, o evento faz parte das comemorações da Semana do Meio Ambiente e quer chamar a atenção das autoridades para problemas relativos ao direito à terra, conservação de áreas protegidas e produção agroextrativista.

Um dos organizadores do evento, Juliano George Basso disse que a feira é uma oportunidade de reunir várias associações representativas de povos do Cerrado para acessar e fomentar políticas públicas direcionadas ao bioma, além de mostrar um pouco da cultura da região, por meio dos produtos e do patrimonial material e imaterial.

“Essa é uma discussão muito forte, o Ministério Público Federal está aqui bastante presente trazendo algumas discussões relacionadas ao direito desses povos a manter sua cultura e a biodiversidade onde vivem, ou seja, o Cerrado. Todas essas ações estão sendo feitas para que isso possa ser alcançado, junto com Ministério do Meio Ambiente”, disse.

Leia mais notícias em Brasil


Para Célia Xacriabá, líder indígena que vive em São João das Missões (MG), o evento é uma maneira de unir a luta das associações do Cerrado. “Esse espaço da Rede Cerrado é um momento real de unificação de luta. É um espaço real de visibilidade porque a gente consegue protagonizar, falar e ser ouvido”, avaliou.

O encontro vai até o próximo domingo (8/6) e conta com uma programação de debates, mesas redondas, seminários, atrações culturais dos povos indígenas, quilombolas, feira dos produtos da sociobiodiversidade e praça gastronômica. A expectativa dos organizadores é que 30 mil pessoas passem pelo evento, montado no Complexo Cultural da Funarte, na área central de Brasília.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.



  • Últimas notícias
  • Mais acessadas