Brasil
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Cônsul da Alemanha no Rio espera cerca de 15 mil alemães para Copa Harald Klein acredita que, "se tudo correr bem", os jogadores e os torcedores estarão no Rio no início de julho

Agência Brasil

Publicação: 11/06/2014 15:36 Atualização:

O cônsul-geral da Alemanha no Rio de Janeiro, Harald Klein, espera entre 15 mil e 20 mil alemães no Brasil durante a Copa do Mundo, cujo início ocorrerá amanhã (12), com a partida Brasil e Croácia, em São Paulo. “Muitos viajam ao Nordeste para acompanhar o time nos jogos em Salvador, contra Portugal, em Fortaleza, contra Gana, e no Recife, contra os Estados Unidos”. Klein acredita que, “se tudo correr bem”, os jogadores e os torcedores estarão no Rio no início de julho.

Durante a Copa, os turistas e torcedores alemães estão convidados a acompanhar os jogos no quiosque Tor! (gol, em alemão), na praia do Leme, que o consulado está decorando com as cores da Alemanha e do Brasil. “Lá faremos bolão, disputa de chute a gol, rodada de cerveja a cada gol, entre outras atividades”. Klein anunciou que haverá também festas nos dias 26 de junho, durante o jogo Alemanha e Estados Unidos, e no dia das quartas-da final, no Rio.

Leia mais notícias em Brasil

O cônsul-geral disse que os turistas alemães gostam muito da cidade maravilhosa, com destaque para as praias, o Pão de Açúcar, o Corcovado, a natureza, além dos próprios cariocas. “Ficam apaixonados por Copacabana, pela caipirinha e pela picanha. Muitos apreciam a amabilidade dos brasileiros e a informalidade”. Entre os pontos negativos, Harald Klein salientou que os alemães “não gostam nada do trânsito, dos engarrafamentos e, às vezes, dos problemas nos serviços, nos hotéis e restaurantes”.

Ele acredita que a seleção da Alemanha está preparada para estar entre as vencedoras nesta Copa. “A Alemanha tem uma boa seleção, e todos esperamos uma boa apresentação no Brasil. A equipe tem uma mistura interessante de jogadores com experiência e talentos jovens. Depois de terminar duas vezes como terceiro [classificado] e uma vez como segundo, chegou o momento para mais”, comentou Klein.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.

PUBLICIDADE



  • Últimas notícias
  • Mais acessadas