Brasil
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Funcionários da Universidade de São Paulo em greve fazem ato na Praça da Sé Greve será mantida por tempo indeterminado até que a reitoria se prontifique a negociar com os trabalhadores

Agência Brasil

Publicação: 18/06/2014 16:59 Atualização:

Professores, funcionários e alunos da Universidade de São Paulo (USP) fizeram nesta quarta-feira (18/6) ato público na Praça da Sé para mostrar à população os motivos da greve iniciada em 27 de abril. A mobilização teve também o objetivo de mostrar a situação da educação e da saúde no estado de São Paulo. Trabalhadores das universidades Estadual Paulista (Unesp) e Estadual de Campinas (Unicamp) também participaram do ato na Praça da Sé.

Segundo o diretor do Sindicato dos Trabalhadores da USP (Sintusp), Magno de Carvalho, a política da reitoria das universidades públicas no estado de São Paulo é pelo arrocho salarial. Carvalho disse que eles constituem a única categoria de trabalhadores brasileiros que não estão recebendo nenhum aumento. "Está havendo um corte para a verba do ensino para pesquisa de 30% e suspensão da contratação de professores e funcionários por tempo indeterminado”, disse ele.

Leia mais notícias em Brasil

De acordo com Carvalho, os trabalhadores das três universidades pedem 9,78%, mais 3% de reposição salarial de perdas acumuladas ao longo de anos.

A greve será mantida por tempo indeterminado até que a reitoria se prontifique a negociar com os trabalhadores. “Queremos negociar, porque não queremos ficar em greve. Mas, sem atendimento mínimo de nossas reivindicações, não poderemos sair da greve”, afirmou Carvalho.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.



  • Últimas notícias
  • Mais acessadas