Brasil
  • (2) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Inglês danifica táxi por não conseguir se comunicar com motorista em BH Taxista pediu ajuda para policiais militares depois que o passageiro trincou o para-brisa do carro com um soco

Cristiane Silva

Publicação: 24/06/2014 10:35 Atualização:

Um turista inglês e um taxista foram parar na delegacia depois de uma confusão causada pelas dificuldades com o idioma. O caso aconteceu na madrugada desta terça-feira (24/6) no Centro de Belo Horizonte.

Policiais militares que patrulhavam a região foram abordados pelo taxista, de 49 anos, no cruzamento das ruas Caetés e Paraná. De acordo com a Polícia Militar (PM), ele disse que D.B, de 52, ficou nervoso porque não estava conseguindo se comunicar e deu um soco no para-brisa, que trincou.

Leia mais notícias em Brasil

O passageiro foi revistado, mas nada de ilícito foi encontrado com ele. A assessoria de imprensa da Polícia Civil informou que o turista e a vítima foram levados para a Ceflan 2, no Centro de Belo Horizonte. O inglês assinou um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO), o que o obrigaria a marcar uma audiência com um juiz. Mas, segundo a polícia, a vítima assinou um termo de desinteresse, pois não quis dar continuidade ao caso.

Esta matéria tem: (2) comentários

Autor: José Souza
E o transporte público, nesse caso de Taxi, seria uma maravilha na Copa. Até as Profissionais do sexo seriam treinadas em Inglês? Me pergunto, será que se o Taxista fosse um Garoto de programa, nas horas vagas, ele teria tido aulas de Idiomas? | Denuncie |

Autor: José Corrêa
Esse nervosinho teria que pagar a substituição do para-brisa, se é que foi trincado mesmo. | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.



  • Últimas notícias
  • Mais acessadas