Brasil
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Chuva provoca caos em dia de jogo da Copa do Mundo em Recife, PE Chuvas torrenciais deixaram vias alagadas e trânsito parado na capital pernambucana, que registrou quedas de energia e deslizamentos de barreiras

Publicação: 27/06/2014 08:12 Atualização:

Inundações assustaram a população, que teve de vencer, a pé ou de carro, o acúmulo de água nas avenidas (Emmanuel Dunand/AFP Photo)
Inundações assustaram a população, que teve de vencer, a pé ou de carro, o acúmulo de água nas avenidas

Moradores e turistas da Copa do Mundo viveram ontem um dia de caos no Recife, devido às fortes chuvas que atingiram a região. Torcedores que foram assistir à partida de Alemanha e Estados Unidos enfrentaram dificuldades nos meios de transporte para chegar ao estádio. Ruas alagadas, trânsito parado, quedas de energia, desabamentos e deslizamentos de barreira assustaram os moradores da capital pernambucana. Vias importantes da cidade ficaram submersas como a Avenida Recife, que liga as zonas Sul e Oeste. Também com a alta da maré, houve transbordamento de canais como o do Arruda, na Zona Norte, inundando casas da região.

Segundo a Defesa Civil do Recife, choveu em toda a região metropolitana, das 10h da quarta-feira até as 10h de ontem, o acumulado de 112mm, 30% dos 380mm previstos para todo o mês de junho, um período tradicionalmente chuvoso em Pernambuco. Durante esse período, foram registrados cinco deslizamentos de barreiras na região sul, nos bairros de Lagoa Encantada, Ibura, Água Fria, Passarinho e Jardim Monte Verde. Ainda de acordo com o órgão, os acidentes foram considerados de pequeno porte e não deixaram feridos.

Leia mais notícias em Brasil


A chuva foi um complicador para os torcedores que estavam a caminho da Arena Pernambuco, para assistir ao jogo que terminou com vitória alemã por 1x0 contra os Estados Unidos, resultando na classificação das duas seleções às oitavas de final da Copa do Mundo. Com vias de acesso alagadas, os espectadores do Mundial optaram pelo metrô.
De acordo com a assessoria da CBTU/Metrorec, como a demanda estava muito maior que a usual, também devido às chuvas, foi registrada superlotação nas estações. O maior tumulto aconteceu na Estação Aeroporto, devido ao número elevado de turistas que chegaram ao local por não conseguirem pegar ônibus ou táxis. A Polícia Militar estimou que 300 pessoas perderam parte do jogo, em função dos atrasos provocados pela chuva.

A matéria completa está disponível aqui, para assinantes. Para assinar, clique aqui.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.



  • Últimas notícias
  • Mais acessadas