Brasil
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Rio de Janeiro antecipa fechamento de ruas para o jogo deste sábado Para facilitar que o público assista ao jogo do Brasil contra o Chile nos telões espalhados pelo Maracanã

Agência Brasil

Publicação: 27/06/2014 16:49 Atualização:

Para o jogo deste sábado (28/9), no Estádio Jornalista Mário Filho, o Maracanã, entre Colômbia e Uruguai, que se enfrentam a partir das 17h, a prefeitura decidiu, atendendo a pedido das forças de segurança, antecipar para às 9h o fechamento parcial a veículos no entorno do estádio, e para às 10h o fechamento total. O mesmo ocorrerá no Alzirão, onde se concentram os torcedores brasileiros.

Leia mais notícias em Brasil

O secretário Municipal da Ordem Pública, Leandro Matioli, disse que a Copa é um “evento muito complicado, porque é precedido de um jogo do Brasil, com a cidade funcionando”. Para facilitar que o público assista ao jogo do Brasil contra o Chile nos telões espalhados pelo Maracanã, que ocorrerá a partir das 13h, em Belo Horizonte, os portões do estádio serão abertos às 12h30.

O diretor de Operações da CET-Rio, Joaquim Dinis, disse que a Avenida Atlântica, em Copacabana, terá sua pista na orla fechada às 7h, neste sábado (28). A experiência da Fifa Fan Fest no jogo do Brasil, com presença maciça de turistas estrangeiros levou a prefeitura a declarar área de lazer na praia somente em Copacabana, e não nos bairros vizinhos, como Ipanema e Leblon. “O objetivo é dar mais conforto e segurança para as pessoas circularem na orla”, manifestou Dinis. Às 12h30, ocorrerá o fechamento da Avenida Atlântica na pista junto aos prédios.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.



  • Últimas notícias
  • Mais acessadas