Brasil
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Minha Casa, Minha Vida entrega 300 moradias na região serrana do Rio Empreendimento é equipado com infraestrutura completa de meio-fio, pavimentação, redes de água potável, esgotamento sanitário com tratamento, energia elétrica e disponibilidade de acesso ao transporte público

Agência Brasil

Publicação: 04/07/2014 14:11 Atualização: 04/07/2014 15:15

Governo entrega unidades do Minha Casa, Minha Vida (Marcelo Camargo/Agência Brasil)
Governo entrega unidades do Minha Casa, Minha Vida

O governo federal entregou na manhã desta sexta-feira (4/6), em Nova Friburgo, região serrana do Rio de Janeiro, mais 300 unidades residenciais do Programa Minha Casa, Minha Vida, que custaram R$ 22,5 milhões e vão beneficiar famílias com renda mensl até R$ 1,6 mil, atingidas pelas enchentes de 2010. A solenidade foi dirigida pelo ministro das Cidades, Gilberto Occhi.

Cada apartamento tem área privativa de 42,95 metros quadrados, com dois quartos, circulação, sala, banheiro, cozinha e área de serviço. O piso piso é de cerâmico em todos os ambientes, e está avaliado em R$ 75 mil. Nove apartamentos foram adaptadas para portadores de necessidades especiais.

Leia mais notícias em Brasil

Em atendimento às exigências de qualidade do Minha Casa, Minha Vida, o empreendimento é equipado com infraestrutura completa de meio-fio, pavimentação, redes de água potável, esgotamento sanitário com tratamento, energia elétrica com iluminação pública e disponibilidade de acesso ao transporte público. O residencial conta ainda com centro comunitário, parques infantis e salão de festas.

O Minha Casa, Minha Vida investiu R$ 13,9 bilhões na contratação de 200.142 unidades habitacionais no estado do Rio de Janeiro, das quais 66.957 já foram entregues. No país, o investimento chega a R$ 216,69 bilhões para a contratação de 3,4 milhões de moradias. Já foram entregues 1.725.365 casas e apartamentos, de acordo com o ministro Gilberto Occhi.

O programa habitacional financia moradias para famílias com renda até R$ 5 mil por mês. As condições de financiamento variam de acordo com a renda familiar. Para famílias com renda mensal até R$ 1,6 mil a prestação é 5% da renda. Para renda até R$ 3.275, o subsídio pode chegar a R$ 25 mil, e para famílias com ganhos mensais entre R$ 3.275 e R$ 5 mil, o benefício é uma taxa de juros mais baixa do que a dos financiamentos imobiliários tradicionais.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.



  • Últimas notícias
  • Mais acessadas