Brasil
  • (2) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Ídolo do Fluminense, o ex-jogador Assis morre aos 61 anos em Curitiba Conhecido pela parceria com Washington, o integrante do Casal 20 lutava contra problemas nos rins

Lucas Lavoyer - Especial para o Correio

Publicação: 06/07/2014 12:03 Atualização:

Assis, ídolo do Fluminense na década de 1980, morreu na madrugada deste domingo (06/07), aos 61 anos. Internado num hospital de Curitiba (PR), o ex-meia, conhecido pela parceria e entrosamento com Washington - a qual rendeu à dupla o apelido Casal 20 -, não resistiu a uma insuficiência renal.

A notícia foi publicada na página oficial do Fluminense, ainda na manhã deste domingo. No comunicado, o presidente do tricolor, Peter Siemsen, lamentou o ocorrido.“É uma perda muito grande. Assis foi um dos maiores ídolos da história do Fluminense. Marcou uma geração. Um ídolo que tinha uma forte ligação com o clube desde sempre. Hoje é dia de reverenciá-lo por tudo que fez por nós tricolores”, disse.

A morte de Benedito de Assis da Silva, conhecido pela alcunha de “carrasco tricolor” - que recebeu após marcar gols contra o Flamengo, em duas decisões consecutivas de Campeonato Carioca - ocorreu pouco mais de um ano após a de Washigton, que em maio de 2013 faleceu vítima de uma esclerose lateral amiotrófica, doença degenerativa.

Casal 20
A trajetória vitoriosa da dupla com a camisa do Fluminense teve início em 1983, quando os dois lideraram o clube carioca no título do Campeonato Estadual daquele ano, deixando o rival Flamengo na segunda colocação. Já em 1984, o casal 20 conquistaria o bicampeonato Carioca e o Brasileirão.

Em 1985, os dois ainda lideraram a campanha do Fluminense no tricampeonato carioca.

O velório do ex-camisa 10 ocorrerá em Curitiba, às 15h deste domingo. O enterro será realizado amanhã (07/07), no cemitério do Água Verde, às 17h, com saída da capela às 16h. O Fluminense decretou luto oficial de sete dias e celebrará missa de sétimo dia no Rio de Janeiro. Ainda não há local e data.

Esta matéria tem: (2) comentários

Autor: Hildo Evaristo
Deixa boas lembraças ao time tricolor - família | Denuncie |

Autor: ROGERIO SILVA
Representante de uma época de amor à camisa. Exemplo de atleta e querido por todas as torcidas. Vá em paz, Assis. Tu faz homens feitos se sentirem meninos novamente. | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.

PUBLICIDADE



  • Últimas notícias
  • Mais acessadas