Brasil
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Marinha faz Operação Verão 2014 no Distrito Federal e em Goiás O objetivo é verificar habilitação do condutor de embarcações, documentação e equipamentos de segurança

Agência Brasil

Publicação: 18/07/2014 15:55 Atualização: 18/07/2014 16:41

A Marinha do Brasil faz hoje (18) a Operação Verão 2014, no Distrito Federal (DF) e em Goiás. Apesar de a estação que dá nome à operação começar apenas em dezembro, os dois estados passam por longos períodos de seca durante o inverno - entre junho e setembro - e, com isso, muitas pessoas procuram áreas de lazer em lagos, rios e praias de água doce por conta da baixa umidade do ar.

A operação se concentra nas cidades de Caldas Novas, Aruanã, Uruaçu e os lagos Corumbá 2, 3, e 4. O objetivo é verificar habilitação do condutor, documentação das embarcações, coletes e boias salva-vidas, extintor de incêndio, luzes de navegação e outros equipamentos de segurança.

Leia mais notícias em Brasil

Caso seja constatada alguma irregularidade a Capitania Fluvial de Brasília, que além do DF também fiscaliza o estado de Goiás, pode notificar o piloto, apreender a embarcação ou ainda aplicar multas.

A Capitania contabiliza cerca de 47 mil embarcações registradas na região. A maioria das infrações registradas até o momento são por excesso de passageiros, manobras perigosas e falta de habilitação já que há muitos empréstimos de embarcações entre amigos.

A Operação Verão 2014, começou no último mês de junho e segue até o mês de agosto quando acaba o período de e estiagem nesta região do país.
Tags:

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.

PUBLICIDADE



  • Últimas notícias
  • Mais acessadas