Chuvas deixam 35 mil pessoas desabrigadas ou desalojadas em Pernambuco

Até o momento há duas mortes confirmadas, registradas em Lagoa dos Gatos, Agreste de Pernambuco. Duas pessoas continuam desaparecidas em Caruaru

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 29/05/2017 19:44

Reprodução
 
Aumentou para 35 mil o número de pessoas desabrigadas ou desalojadas por conta das chuvas que atingiram a Zona da Mata Sul e o Agreste de Pernambuco neste final de semama. Os dados foram atualizados no final da manhã desta segunda-feira pela Comissão de Defesa Civil de Pernambuco (Codecipe), após a chegada de equipes do órgão nas cidades afetadas.
 

Nos municípios, os técnicos estão avaliando a situação e realizando o cadastramento das famílias atingidas, por tantos, os números tendem a aumentar. As pessoas estão sendo orientadas a se abrigarem nas escolas municipais e estaduais de cada cidade.

O número de municípios em situação de emergência, também pode aumentar. Decreto publicado em edição especial aponta 14 cidades: Água Preta, Amaragi, Barra de Guabiraba, Barreiros, Belém de Maria, Catende, Cortês, Gameleira, Jaqueira, Marial, Palmares, Ribeirão, Rio Formoso, São Benedito do Sul. Uma equipe da Defesa Civil foi enviada esta manhã para Gravatá, no Agreste, que pode entrar na lista.

Até o momento há duas mortes confirmadas, registradas em Lagoa dos Gatos, Agreste de Pernambuco. Duas pessoas continuam desaparecidas em Caruaru.

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.