Olimpíada de Matemática começa hoje com recorde de escolas inscritas

Pela primeira vez, a olimpíada conta com a participação de colégios particulares, que somam 4.472 inscritos

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 06/06/2017 11:31

Rafael Ohana/CB/D.A Press
Mais de 18,2 milhões de alunos brasileiros participam nesta terça-feira (6/6) da 1ª fase da Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (Obmep). Nesta 13ª edição da Obmep estão inscritas 53.230 escolas de todo o país, alcançando 99,6% dos municípios. Pela primeira vez, a olimpíada conta com a participação de colégios particulares, que somam 4.472 inscritos.

Segundo o Ministério da Ciência, Tecnologia, Informações e Comunicações, cada escola, além de aplicar as provas, vai corrigi-las seguindo as instruções e os gabaritos elaborados pelo Instituto de Matemática Pura e Aplicada (Impa), que realiza o evento.

“As provas são diferenciadas em três níveis, de acordo com o grau de escolaridade: 6º ou 7º ano do ensino fundamental; 8º ou 9º ano do ensino fundamental; e ensino médio. Cada uma tem 20 questões de múltipla escolha, e os alunos classificados nessa etapa farão a segunda fase, discursiva, marcada para 16 de setembro”, diz em nota o ministério.

De acordo com o coordenador-geral da olimpíada, Cláudio Landim, a prova da Obmep não mede conhecimento, mas habilidade e raciocínio. Segundo ele, o exame tem o objetivo de aumentar a qualidade do ensino da matemática no país por meio da formação de professores e alunos.

Para alunos de escolas públicas serão distribuídas 500 medalhas de ouro, 1.500 de prata, 4.500 de bronze e até 46.200 menções honrosas - mesmo número de premiações de edições anteriores. Também serão premiados estudantes das escolas particulares (25 ouros, 75 pratas, 225 bronzes e até 5.700 menções honrosas).

Criada em 2005, a Olimpíada de Matemática é uma realização do Impa com apoio da Sociedade Brasileira de Matemática (SBM) e promovida com recursos dos ministérios da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações e da Educação.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.