Mentor do assalto ao Banco Central é baleado em tentativa de fuga

Alemão tentou fugir com mais presos do Primeiro Comando da Capital (PCC), quando o grupo foi dominado por policiais

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 08/08/2017 15:30

Um dos mentores do assalto ao caixa forte da agência do Banco Central de Fortaleza, Antônio Jussivan Alves dos Santos, o Alemão, foi baleado na madrugada desta terça-feira (8/8), em uma tentativa de fuga do presídio de Pacatuba, na região metropolitana de Fortaleza.


Alemão tentou fugir com mais presos do Primeiro Comando da Capital (PCC), quando o grupo foi dominado por policiais. Houve troca de tiros. Ele e outros quatro presos foram atingidos e levados para o Instituto Dr. José Frota, maior hospital de emergência de Fortaleza, onde receberam os primeiros socorros.

A tentativa de fuga ocorreu por volta da quatro horas da manhã. Os presos já estavam perto da muralha, quando foram surpreendidos pelos policiais militares. Eles colocaram cordas para escalar a muralha, mas não conseguiram escapar e foram feridos. Policiais fizeram cerco na penitenciária para restabelecer a ordem.

 

Leia mais notícias em Brasil

 

O assalto ao Banco Central aconteceu em agosto de 2005. Por um túnel, o bando comandado por Alemão levou R$ 164,7 milhões em notas de R$ 50 do caixa forte da agência do BC de Fortaleza. Alemão foi condenado a 40 anos de prisão e já cumpriu uma década

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.