Policiais fazem parto de menina em viatura no Padre Eustáquio

A jovem Késia Cristina começou a ter contrações na rua e o bebê não conseguiu esperar até a chegada ao hospital

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 04/12/2017 08:29 / atualizado em 04/12/2017 08:33

A menina nasceu dentro do carro de polícia
A patrulha dos policiais Sargento Tales e Cabo Costa Veloso, da 9ª Companhia de Polícia Militar, ganhou um sentido especial na noite deste sábado no Bairro Padre Eustáquio, Região Noroeste de Belo Horizonte. Ao socorrer duas mulheres que se sentiam mal na rua, os dois acabaram fazendo o parto de uma menina dentro da viatura.

Sargento Tales conta que ele e o colega foram chamados por policiais que estavam a pé, na Rua Pará de Minas, porque Késia Cristina Santos e sua mãe estavam passando mal. “Estávamos a caminho do hospital Odilon Behrens quando a criança começou a nascer. Paramos a viatura perto de um poste de iluminação, peguei uma luva e comecei a puxar a menina. Depois cortamos o cordão umbilical com o que tínhamos na mão, demos o nó e corremos para o hospital.”

O policial conta que usou dos conhecimentos das aulas de primeiros socorros oferecidas pela corporação. “Tivemos instruções mas nunca imaginei que ia fazer um parto. A partir do momento que você entra na viatura, nunca sabe o que vai acontecer. E o que der para a gente resolver e estiver no nosso alcance nós resolvemos”, afirmou.

O sargento deixou a criança no berçário do hospital e ligou neste domingo para saber notícias. “Soube que está tudo bem com a criança e a mãe, só não consegui saber ainda qual o nome da menina”, disse.  
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.