Publicidade

Estado de Minas

Bombeiros encontram corpo durante buscas por desaparecidos da chuva em MG

Ainda não há identificação da vítima, mas existe a possibilidade que seja uma idosa arrastada pela enchente na zona rural da cidade da Zona da Mata


postado em 08/12/2017 16:40

Militares seguem buscando por desaparecidos na Zona da Mata de Minas Gerais (foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)
Militares seguem buscando por desaparecidos na Zona da Mata de Minas Gerais (foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)
Militares do Corpo de Bombeiros encontraram nesta sexta-feira (8/12) um corpo de uma pessoa enquanto faziam buscas por três desaparecidos em decorrência das chuvas em Urucânia, na Zona da Mata de Minas Gerais.

O corpo, ainda sem identificação, foi encontrado a cerca de 30 quilômetros da Usina Jatiboca, onde se iniciaram as buscas, e pode ter sido arrastado por um riacho antes de ser encontrado pelos bombeiros dentro do Rio Casca, na cidade de mesmo nome, na região do Bairro Areal.

As buscas que seguem na região busca encontrar uma a idosa Eva de Jesus, levada pela enchente, e seu neto, além de um homem. Segundo a Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (Cedec), a idosa, dois netos e uma filha foram levados pela enchente que carregou a casa da família na localidade rural denominada Sítio Parada Paulista. Porém, a mãe da adolescente e da criança conseguiu se salvar ao ficar presa em uma árvore.

Leia as últimas notícias de Brasil

Já a adolescente, Maria Fernanda Juventino Iris Rosema, de 13 anos, foi encontrada morta pelos bombeiros e foi sepultada na última quarta-feira. Portanto, seguem desaparecidas três pessoas, sendo a avó e o neto, além de um homem que desapareceu nas imediações da Usina Jatiboca, propriedade que produz açúcar, álcool e melaço na zona rural de Urucânia. 

Se ficar confirmado que o corpo encontrado nesta sexta-feira é realmente de um dos desaparecidos pela chuva, vai subir para sete o número de mortos em decorrências dos temporais no atual período chuvoso em Minas Gerais, de acordo com os dados oficiais da Cedec. Além dos três desaparecidos de Urucânia, os bombeiros ainda procuram por um homem que sumiu após uma enchente em Vespasiano, em 3 de dezembro. Os militares fazem varredura em um córrego da cidade nesta sexta-feira.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade