SIGA O
Correio Braziliense

Melhor fantasia: amigos se 'vestem' de montanha-russa para curtir o carnaval

Grupo de Belo Horizonte conquistou a internet com fantasia super criativa para curtir a folia

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 21/02/2017 21:38 / atualizado em 21/02/2017 21:43

Reprodução
 
É o viral do dia, quiçá da semana. Amigos há mais de 15 anos, Renata, Carol, Bruna, Rafael, Eloísa e Junio decidiram sair juntos neste carnaval fantasiados de montanha russa, auto-intitulados de “Bloco da Jatobá”. Quem imaginaria?
 
O vídeo compartilhado pela página de humor “Chapolin Sincero” acumula mais de 4 milhões de visualizações e ganhou a internet: “melhores pessoas, melhor fantasia”, dizem nas redes.

O grupo é belo-horizontino da gema e foi na Escola Estadual Professor Leon Renault que todos eles se conheceram. “Desde o colégio me chamam de Jatobá. Jatobá daqui, Jatobá dali. Eu não gostava, mas quanto mais a gente odeia um apelido, mais ele pega”, Renata relembra. Jatobá é o nome de um bairro na Região do Barreiro, que era onde todos eles moravam na infância.
 
Hoje com 34 anos, Renata e sua gangue de marmanjos ainda gosta de brincar, como na escola. Não é atoa que a trupe tem a fantasia mais legal do carnaval de BH. Brincando, o grupo combinou de fazer o ensaio da “coreografia” (limitada a imitar o balanço brusco de uma montanha russa) no “Bloco Me Beija Que Eu Sou Pagodeiro”, que aconteceu no último domingo, no Bairro Gutierrez, na Região Oeste de BH. E lá, eles já viraram sensação.
 
“Muita gente vinha pra tirar foto, fazer vídeo. Inclusive, o vídeo que saiu na internet nem é nosso. Foi uma foliã que fez”, conta.
 
Se você não viu o Bloco da Jatobá no domingo, fique calmo. Vai dar pra tietá-los na terça. Sim, só na terça. Eles irão todos para a cidade de Piranga, a 100 quilômetros de BH, mas sem a fantasia. “Não dá pra transitar facilmente com tudo. No domingo precisamos alugar uma pickup! (risos) Vamos ver como vai ser na terça…”, Renata finaliza.
 
Confira o vídeo que viralizou:
 
 


Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.