publicidade

Polícia prende integrantes de quadrilha especializada em furto de veículos

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

postado em 17/05/2011 10:20 / atualizado em 19/05/2011 11:28

Divulgação/PCDF
A Polícia Civil do Distrito Federal, por intermédio da Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos (DRFV), prendeu preventivamente, na madrugada desta terça-feira (17/5), três integrantes de uma quadrilha especializada em furto de véiculos. Segundo a Divisão de Comunicação (Divicom) da Polícia Civil, eles ainda são acusados de receptação e adulteração do sinal identificador dos carros.

A quadrilha atuava no DF e principalmente na região do Gama e em Taguatinga. Eles já haviam sido presos em fevereiro de 2011 durante a Operação Duplê, mas foram liberados. Segundo o delegado-chefe da DRFV, Moisés Martins de Sousa, os acusados foram colocados em liberdade por falta de ação do Ministério Público (MP) do Gama.

A ação foi batizada de Operação Dublê II. Após uma série de procedimentos da delegacia, a polícia conseguiu com decisão da 5ª Vara Criminal do DF a prisão preventiva do três principais componentes. Eram três mandados de prisão e quatro mandados de busca e apreensão.

A operação começou por volta das 6h e os envolvidos foram localizados nas regiões do Gama, Santa Maria e Novo Gama, onde são moradores. A polícia não conseguiu localizar o quarto integrante que continua foragido.

O líder da quadrilha, Washington Sales da Silva, 39 anos, é morador do Novo Gama e é responsável por toda a articulação dos furtos e receptações. Já Valcir Pereira da Silva, vulgo Baiano, 29 anos, é morador de Santa Maria e é responsável por coordenar as atividades dos outros integrantes da quadrilha e ainda faz a ligação com os receptadores finais localizados na Bahia e no Tocantins. Já o terceiro, Luis dos Santos Sulva, vulto Luisinho, também de 29 anos, é morador do Gama é executa os furtos e roubos dos veículos.

De acordo com o delegado Moisés, os três já tinham passagens anteriores pelos crimes de roubo, receptação simples, furto qualificado, quadrilha ou bando, lesão corporal e porte de substância entorpecente.

Washington, Valcir e Luis vão responder por roubo, receptação, receptação qualificada e adultueração de sinais identificadores. O trio vai ser encaminhado ao cárcere do Departamento de Polícia Especializada (DPE).

Operação Dublê

Há exatamente três meses, a polícia prendeu a quadrilha especializada em furto e adulteração de veículos. Ao todo, seis pessoas foram presas no Gama, Novo Gama e Santa Maria. Já o sétimo integrante da quadrilha, que estava foragido, foi localizado na cidade de Luiz Eduardo Magalhães(BA).

publicidade

Tags:

publicidade