cidades df

Jovem de 22 anos é preso suspeito de estuprar a sobrinha de quatro anos

Verônica Machado

Publicação: 03/02/2012 11:14 Atualização:

Um homem de 22 anos, estudante de história em uma faculdade particular de Brasília, foi preso preventivamente acusado de estuprar a sobrinha, de 4 anos. O caso está sob responsabilidade da 35ª Delegacia de Polícia (Sobradinho 2). Se condenado por estupro de vulnerável, o suspeito pode pegar pena de reclusão de 16 a 30 anos.

As desconfianças contra ele começaram em novembro do ano passado. Na época, a avó paterna saiu para passear com a garota e, em um banho, percebeu machucados na menina. Levou-a ao hospital e ao Instituto Médico Legal (IML), onde ficou constatado o abuso.

O conselho tutelar encaminhou o caso para a Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente, que, na última sexta-feira, mandou o laudo — com o depoimento da criança — para os policiais da 35ª DP. Em conversas com psicólogos, a menina contou que não gostava do tio porque ele a tocava nas partes íntimas e, enquanto isso, oferecia-lhe presentes, como brinquedos e bijuterias.

A mãe da menina mora em São Paulo, para onde viajou a fim de tentar emprego, e deixou a filha com a avó, que morava na mesma casa com outros familiares, inclusive o tio. Depois que soube das acusações, a mãe voltou para Brasília, mas, segundo a investigação, os abusos continuaram.

Na delegacia, o suspeito decidiu não prestar esclarecimentos à polícia, e esperar as ações do advogado. Contudo, ao Correio, negou as acusações. Ele teria, segundo a ocorrência, praticado o abuso depois de levar a sobrinha para jogar videogame no quarto. “Nem tenho jogos infantis”, esquivou-se.

Esta matéria tem: (17) comentários

Autor: carlos daris
Antes de emitir julgamentos, deveria se apurar se o fato ocorreu de verdade. Existe muita acusação falsa e hipocrisia nessa coisa toda de pedofilia. | Denuncie |

Autor: LUIZ ALBINO
- Um pervertido que abusa de uma indefesa criança de 4 anos, mereçe o quê? Até que ponto nossa justiça poderá punir ou corrigir tal ato? Pela matéria, o abuso se repetiu várias vezes, então a gravidade do crime e a demora na apuração e denûncia, mostram o quanto está desprotegida a população... | Denuncie |

Autor: LUIZ ALBINO
- Leis brasileiras: o pervertido é condenado à pena máxima de 30 anos; depois ganha o benefício da progressão de regime, cumprindo um sexto da pena, ou seja: na prática, em cinco anos estará livre para estuprar e abusar de novo. Isto, se não fugir num "saidão" qualquer (natal, dia dos pais, etc...). | Denuncie |

Autor: Luiz Sergio
Ei estuprador. Faça um favor a você mesmo. Se mate! | Denuncie |

Autor: Geraldo Calado
Uma situação desta requer a apuração e a responsabilização pela demora, tanto na providência quanto na denúncia, se não fossem tão incapazes teriam pedido o afastamento preventivo, temos que repensar os papéis e os conselheiros futuros! Santa Incompetência!!!!! | Denuncie |

Autor: Odarat Jr
O negócio eh amputar os membros. Pra primeira vez, corta uma mão. Na segunda conta a outra. E se ainda fizer de novo, corta o pinto. | Denuncie |

Autor: carlos souza souza
Os direitos humanos não deixam marginais como estes, juntos de outros presos comuns, normalmente ficam em alas separadas, uma pena pois antes tinha um tal de ¨zé chinelão¨ que nego chamava a mamãe na hora. KKKKKK. | Denuncie |

Autor: carlos urben
Vivemos num País insano, pois a pena para tais casos são infimas. Se os políticos tivessem vergonha na cara, já teriam tomado decisões para mudar as leis no Brasil. Enquanto isso, continuaremos a ser um povo tupiniquim, pois também nada fazemos contra isso. | Denuncie |

Autor: Eduardo Farias
Voto pela Campanha. Arranca, corta e incinera depois de arrancar o p... tem que atear fogo para não correr o risco de reutilização. PEDOFILIA NÃO TEM CURA! TEM QUE EXTIRPAR DA SOCIEDADE! PEDOFILIA NÃO TEM CURA! | Denuncie |

Autor: adeilton bezerra
30 anos é pouco p/ esse marginal, ele tem que pegar prisão perpetua, chega de ser condescedente com criminosos como esse, vamos mudar o codigo civil, vamos criar prisão perpetua e pena de morte p/ crimes como esse. | Denuncie |

Autor: Alísio Alves
Vai aprender o que na prisão? A sair depois e pegar outras vítimas? É cada comentário! | Denuncie |

Autor: Leonardo Macedo
Os direitos humanos estão ai pra defender esse bandido, castração quimica para esse tipo de crime revoltante. Todo dia aparece uma noticia bizarra dessa no jornal, PEDÓFILOS E ESTUPRADORES TEM Q PEGAR PRISÃO PERPÉTUA. | Denuncie |

Autor: dimas moreira
O abuso foi constatado em novembro/2011. O Conselho tutelar só encaminhou o caso para Delegacia na última sexta-feira. Isto é uma eternidade para quem está em perigo. Quem são os responsáveis por esta demora? | Denuncie |

Autor: Israel Alcantara
de novo? Desse jeito o DF vai ser o campeão em pedofilia... | Denuncie |

Autor: Fernanda Carvalho
vagabundo! CRIANÇAS são sagradas, vem um safado desses e traumatiza! ATÉ QUANDO???????pra sempre?????????poxa!que história mais triste | Denuncie |

Autor: Paulo Gomes
Manda esse para a Papuda. Os manos vão gostar: "carne nova no pedaço". | Denuncie |

Autor: Ana Oliveira
Cretino. Vai aprender na prisão. | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.


  • Últimas notícias
  • Mais acessadas