cidades df
  • (30) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Projeto com tolerância zero para motorista que ingerir álcool avança Relatório concluído por senador capixaba extingue índice de alcoolemia da legislação e valida provas como foto, vídeos ou exames clínicos para punir quem bebe e dirige. Documento será analisado pela Comissão de Constituição e Justiça da Casa

Ariadne Sakkis

Publicação: 21/09/2012 06:03 Atualização: 21/09/2012 08:03

Ingerir qualquer quantidade de álcool e pegar o volante em seguida será suficiente para que um motorista seja enquadrado criminalmente pelo Código de Trânsito Brasileiro (CTB). E para comprovar os efeitos da bebida sobre o condutor, não será preciso que ele se submeta ao teste do bafômetro. As autoridades de fiscalização e policial poderão se valer de testemunha, foto, vídeo ou exames clínicos para autuar o infrator. Essas mudanças estão previstas em um projeto de lei que deu mais um passo no Senado.

A proposta vai substituir uma outra, de número 27/2012, que veio da Câmara dos Deputados . Ela altera o Código de Trânsito Brasileiro e endurece as penas para quem desafiar a lei seca.

Até o início da semana que vem, a Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania do Senado deve analisar o relatório produzido pelo senador Ricardo Ferraço (PMDB-ES). A matéria tem origem na Câmara, onde foi aprovada em abril, mas passou por alterações importantes na outra Casa. A proposta de Ferraço é de que seja suprimido da lei qualquer índice de alcoolemia. Pela legislação atual e pela proposta dos deputados, apenas o condutor flagrado com quantidade igual ou superior a 6 decigramas de álcool por litro de sangue responde criminalmente. Abaixo desse índice, o indivíduo está sujeito a medidas administrativas.

 

 

Tags: celular

Esta matéria tem: (30) comentários

Autor: Luiz Silva
Quem bebe e dirige esta à margem da Lei, logo é marginal. | Denuncie |

Autor: Maurício Teixeira
Acho importante que esta lei entre em vigor o mais rápido possivel mas ao mesmo tempo com justiça para todos, pois o povo brasileiro ja acompanhou muitos acidentes causados por infrações de filhos de políticos ocasionado em até mortes e os casos ainda ficam parados ou esquecidos. | Denuncie |

Autor: Thiago Cardoso
Pq o Senado não pensa em mudar a lesgilação de maior idade? Acho que o nro de pessoas mortas estas "crianças" é maior do que nro de pessoas mortas no trânsito por conta álcool. O negócio é ganhar dinheiro e não resolver o problema. | Denuncie |

Autor: denis rio
Todas as situações de risco pelas que passei este ano, foram de dia, causada por motoristas a frente desrespeitando regras de trânsito e principalmente falando ao telefone. Dirijo no plano piloto a 10 anos nunca fui parado em blitz(que não adianta) o que adianta é fiscalização na rua escondida já. | Denuncie |

Autor: Alessandro Santana
Tolerância Zero aos "bebuns"! Quem quiser beber que se adapte a nova rotina. É preciso nivelar o país por cima nesta questão e aqueles que estiverem descontentes que usufruam de seu direito de beber em casa ou levem um chofer para levá-los em casa. ABAIXO A BEBIDAS ALCOÓLICAS!!! | Denuncie |

Autor: Jackson costa
Eu só queria o mesmo empenho na luta contra a bandidagem,a favor de mudanças no código penal,no código de processo penal,e,especialmente, contra os bandidos menores de idade - ECA,que,talvez,façam muito mais vítimas no Brasil. | Denuncie |

Autor: PEDRO FREITAS
A BEBIDA NAO É A CULPADA POR TUDO QUE NO TRANSITO ACONTESSE,UZAM ELA COMO BODE ESPIATORIO, ENQUANTO OUTROS FATORES GRAVES IMPUNE PERMANESSE,O SOM AUTOMOTIVO DEVERIA SER PROIBIDO E LIMITADO ´SO PODE O QUE VEM DE FABRICA COM DOIS AUTO FALANTE UM DE CADA LADO,FALAR AO TELEFONE E CARRO RABAIXADO. | Denuncie |

Autor: Daniel Moreira
Onde eu assino, Guilherme? Concordo plenamente contigo. Um celular (principalmente na mão de um barbeiro) é mais nocivo que duas latinhas de cerveja na cabeça de qq um. | Denuncie |

Autor: gilson sousa
É só colocar o menor pra dirigir, que não dá nada. | Denuncie |

Autor: Gledson Tavares
ninguem respeita as leis nem mesmo as autoridades.... sempre havera uma brecha..... | Denuncie |

Autor: Joao Silva
deixa eu ver se entendí, o congresso vai liberar as drogas atualmente consideradas ilícitas e vai apertar o cerco contra o alcool. muito bom... | Denuncie |

Autor: Augusto reinaldo
E pra quem dirige e fala no celular.... Nada né apesar de tirar até 80% da atenção. | Denuncie |

Autor: edilson souza
Quer uma dica de locais onde não vai faltar infratores: 409/410 Norte, 203/204 Sul, e tantos outros que é só dar uma passadinha por lá, por volta das 20h em diante. Só citei essas porque, por várias vezes, os "motoristas embreagados" quase me jogam pra outra pista. | Denuncie |

Autor: Marcio Rocha
É isso aí. Fiscalização realmente é pedir muito do Estado, mas havendo punição, já está de bom tamanho. | Denuncie |

Autor: alexandre menezes
Sr. Guilherme, duas latinhas contém alcool suficiente para derrubar muita gente, e comparar com celular, seu comentário foi de uma boçalidade sem tamanho | Denuncie |

Autor: alysson abdon
Cadeia para esses bandidos que bebem 1,2,3...latinhas de cerveja e matam no trânsito. Quem é contra? Quem bebe e dirige. Tolerância zero pra vocês. | Denuncie |

Autor: Guilherme
Edelfran sousa, agora repita tudo isso aí com a tecla caps lock desligada, e assim pare de "gritar" na nossa orelha. Parece que bebeu... | Denuncie |

Autor: Fernando Pereira
E se o cara ingerir cocaína, heroína, crack, haxixe, maconha, não tem problema? | Denuncie |

Autor: sinval silva
QUE DEUS ABENÇOE AS PESSOAS QUE ESTÃO APROVANDO ESTE PROJETO. TEM QUE ENDURECER MESMO,POIS MUITAS VIDAS SERÃO SALVAS!! | Denuncie |

Autor: Adriana Silva
Se o projeto não incluir outras drogas como cocaína, maconha e afins é INCOMPLETO! | Denuncie |

Autor: Fernando Pereira
Mamadeira de cerveja, celular ao volante, não usar seta, fazer conversão com faixa amarela e contínua, tudo isso deveria dar CADEIA!!! | Denuncie |

Autor: Sérgio de Paula
QUe legal, mais um caixinha pra Policia, agora policial pode da voz de prisao pq vc "parece" ter bebido e vc vai ter q pagar para ser liberado... melhor tornar o bafometro obrigatorio! | Denuncie |

Autor: Jose Oliveira
Se não for proibida a venda de qualquer bebida alcoólica em posto de gasolina ou loja de conveniência agregadas a estes estabelecimentos de nada valerá. Concordo com o Edelfran. Não precisamos de ter um ente querido vitimado para nos preocuparmos. A próxima vítima poderá ser qualquer um de nós. | Denuncie |

Autor: Cidadão Kane
Se der cadeira elétrica pra quem bebe e dirige mas não houver fiscalização, vão beber e dirigir mesmo assim. Se derem uma multa de R$100 pra quem bebe e dirige, e existir fiscalização não vão beber. A maior causa de morte no trânsito é a imprudência, mas ninguém tá fazendo lei alguma. | Denuncie |

Autor: Edelfran sousa
Quem é contra a aplicação da lei, É PORQUE AINDA NÃO TEVE UM FILHO, PARENTE,AMIGO, CACHORRO, GATO, PAPAGAIO, MACACO, OU OUTRO, ATROPELADO E INVALIDADO POR UM IRRESPONSÁVEL QUE DIRIGIA EMBRIAGADO NO TRÂNSITO, ASSUMINDO TAL RISCO. CONTRAS, REPENSEM ISTO, DEÊM UM PASSO PRO FUTURO. ( RETRÓGRADOS?). | Denuncie |

Autor: Jarbas Teixeira
Pois é! Os que têm a latinha como mamadeira querem colocar a culpa no celular ou; em tom professoral do alto de suas sabedorias afirmam categoricamente que deputados querem rasgar a constituição e que eles devem voltar a ficarem sem fazer nada. São os sábios de plantão. | Denuncie |

Autor: Antonio Veras
Luiz Alves, eu não bebo e dirijo. Por isso nenhuma empresa ou estatal vai ganhar dinheiro algum de mim por isso. E não preciso de lei que diga isso. Mas como ninguém é igual à ninguém, tem que haver leis para regular. | Denuncie |

Autor: Guilherme
Pois é. Se a pessoa beber duas latinhas de cerveja dirigir, será tratada como se fosse uma criminosa. Mas se ela dirigir falando no celular, o que equivale a DUAS CAIXAS de cerveja em déficit de atenção e reflexos, NADA acontecerá. E nessa 2a situação, temos quase 2/3 dos motoristas brasilienses. | Denuncie |

Autor: Luiz Alves
Mas uma Lei que quer rasgar a Constituição. Alcool zero só na cabeça de alguns politicos que não fazem nada o Ano todo é agora querem que os Estados ou algumas empresas faturem alto. Ate a presente data a Lei da taxa zero de alcool não é eficais. | Denuncie |

Autor: Luiz Moreira
Avança, meu filho!!! Vai, vai, vai!!! | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.

PUBLICIDADE


  • Últimas notícias
  • Mais acessadas