SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Vazamento de óleo que atinge Lago Paranoá já dura mais de 20 horas

A mancha parte de uma galeria de drenagem pluvial localizada próximo ao Iate Clube, no Lago Norte, e já chega a Concha Acústica

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 17/10/2013 09:40 / atualizado em 17/10/2013 15:08

Ed Alves/CB/D.A Press

Moradores que passaram pelo Lago Paranoá nesta manhã de quinta-feira (17/10) encontraram uma imensa mancha de óleo nas águas. O Instituto Brasília Ambiental (Ibram) enviou técnicos para avaliar a situação do lago. A mancha parte de uma galeria de drenagem pluvial localizada próximo ao Iate Clube, no Lago Norte, e já chega a Concha Acústica.

De acordo com funcionários do clube, o vazamento ocorre desde às 16h de quarta-feira (16/10), mas somente hoje o Corpo de Bombeiros teve conhecimento do problema. A corporação informou que o óleo é derivado do petróleo. Os bombeiros colocaram boias de contenção para evitar que o óleo se espalhe pelo lago.

Leia mais notícias em Cidades

O superintendente de Licenciamento e Fiscalização do Ibram, Aldo Fernandes, disse que técnicos do instituto avaliam a área atingida. Para conter o óleo, são utilizados barreiras mecânicas próximo a saída da galeria pluvial. No início da tarde o bloqueio será colocado no meio do lago. "O risco da mancha expandir é baixo, pois o vento está ajudando", explicou Fernandes.

Ed Alves/CB/D.A Press

A Agência Reguladora de Águas, Energia e Saneamento do Distrito Federal (Adasa), a Caesb e a Marinha do Brasil também enviaram equipe de fiscais para o local. A Marinha do Brasil anunciou que dará mais informações sobre o caso em uma nota à imprensa.


Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.
 
kleber
kleber - 17 de Outubro às 16:04
tenho a absoluta certeza que esse óleo não é do fusca do Zé sapateiro.
 
maria
maria - 17 de Outubro às 14:43
É necessário que os órgaos competnte descubra quem provocou o vazamento e puna com rigor, para evitar que outros façam novamente. Tem que ser multado e pagar pelos custos que for pagos e ainda pagar pelos danos ambientais.
 
TIAGO
TIAGO - 17 de Outubro às 14:36
Só pode ser decorrente dos serviços de recapeamento da Asa Norte. Em algum dos pontos deixaram escorrer o óleo que é utilizado nos serviços.
 
gomes
gomes - 17 de Outubro às 14:14
e quem esta jogando oleo no lago?
 
Vando
Vando - 17 de Outubro às 14:13
Esses bombeiros são do mesmo batalhão de operações tartaruga da PM, só chegam horas depois que a m....já virou boné.
 
vilson
vilson - 17 de Outubro às 11:40
Será que é óleo de peroba que vazou do congresso nacional?
 
carlos
carlos - 17 de Outubro às 10:37
Aqui no Gama existem varios lava-jato, que funcionam sem autorização, jogando agua suja de oleo dos motores dos carros nas redes pluvuais e ninguem toma providencias.