Projeto promove conscientização sobre violência doméstica em escolas do DF

Maria da Penha Vai à Escola realiza atividades com profissionais de educação e alunos sobre os direitos de mulheres vítimas de violência

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 27/10/2016 19:42

O projeto Maria da Penha Vai à Escola, criado pelo Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT), por meio do Centro Judiciário da Mulher (CMJ) e do Juizado de Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher de Santa Maria, levou à Região Administrativa de Santa Maria palestras e aulas para orientadores educacionais nessa quarta-feira (26/10).


Com o tema "Violência de Gênero e Lei Maria da Penha", o projeto visa alertar profissionais de educação sobre a violência contra mulheres, além de promover a Lei Maria da Penha em escolas públicas do Distrito Federal.

 

Maria da Penha Vai à Escola contou com a participação da juíza Gislaine Carneiro Campos Reis, titular do Juizado de Santa Maria, da Promotora de Justiça de Santa Maria, Cláudia Tomelin, da Coordenadora da Fundação de Assistência Jurídica da OAB/DF em Santa Maria, Núbia Bragança, do Coordenador da Regional de Ensino de Santa Maria, Claudinei Formiga Cabral e de representantes da Faciplac, da Nafavd e do Provid.

 

Leia mais em Cidades

 

Apoiadas pelo TJDFT, o MPDFT, a Secretaria de Educação, a Secretaria de Segurança Pública, a Secretaria do Trabalho, Desenvolvimento Social, Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos, a Polícia Civil do Distrito Federal, a Polícia Militar do Distrito Federal, a Defensoria Pública do Distrito Federal e pela OAB/DF, as atividades buscam informar sobre os direitos de mulheres vítimas de violência para acadêmicos, profissionais educacionais e alunos.

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.