SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Alunos da UnB começam a ampliar ocupação nos câmpus

De acordo com a organização do movimento, mais de 1 mil alunos estão na reitoria da unidade do Darcy Ribeiro. Nesta terça-feira (1/11) representantes de 16 cursos se reunirão para definir se ocuparão os departamentos. As assembleias vão ocorrer ao longo do dia

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 01/11/2016 10:38 / atualizado em 01/11/2016 14:09

Breno Fortes/CB/D.A Press
 
Alunos da Universidade de Brasília (UnB) marcaram assembleias ao longo desta terça-feira (1/11) para decidir ocupações em outras áreas do campus. Estudantes de comunicação vão ampliar o ato para o departamento, no ICC Norte. De acordo com a organização do movimento, mais de 1 mil alunos estão na reitoria da unidade do Darcy Ribeiro. Eles prometem que só irão sair da reitoria quando a PEC 241 for recusada. 

Pela primeira vez, os universitários ocuparam a Secretaria de Comunicação da universidade. Com isto, o setor está impedido de realizar qualquer pronunciamento. A administração informou que, no início da tarde, será realizada uma reunião para decidir que medidas serão tomadas diante da situação. O objetivo dos estudantes é criar um comitê de comunicação no local. Eles também ocuparam a Faculdade de Comunicação (FAC), no ICC Norte. 
 
Ao longo da manhã, os estudantes realizaram oficinas de cartazes e aulões explicativos sobre o projeto de lei que movimenta as reivindicações.
 
Com informações de Walder Galvão 

publicidade

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.
 
Luiz
Luiz - 01 de Novembro às 23:02
Para o Brasil não existe fundo do poço, quando agente acha que chegou, vem mais 1000 cidadãos e começa cavar mais para baixo. O pior que está assim em quase todo o país.
 
Ricardo
Ricardo - 01 de Novembro às 20:21
E os estudantes que têm o direito constitucional de estudar? Puro movimento politizado.
 
Ronaldo
Ronaldo - 01 de Novembro às 16:13
Como? Particulares invadindo espaço público? Espero que o poder público aja com energia e celeridade pra devolvê-lo à população que trabalha e sustenta essa mamata!
 
Lisa
Lisa - 01 de Novembro às 15:08
Não vi o DCE fazer nenhuma consulta aos alunos sobre essa ocupação. Esse movimento está sendo liderado por alguns professores e não por alunos.

publicidade