SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Paralisação dos rodoviários chega ao fim, após ato em frente ao Buriti

Presidente do sindicato da categoria, Jorge Farias, alerta que se os índices de violência não diminuírem em 60 dias, haverá uma nova paralisação

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 18/11/2016 15:32 / atualizado em 18/11/2016 15:38

Correio Braziliense

Wellington Hanna/Esp. CB/D.A Press
 
 
A paralisação dos rodoviários que atendem as regiões de Samambaia e Recanto das Emas chegou ao fim por volta das 15h desta sexta-feira (18/11). Os trabalhadores haviam cruzado os braços às 11h para protestar pedindo mais segurança.
 
 
 
Durante a paralisação, os rodoviários fizeram uma carreata em direção ao Palácio do Buriti. Na frente da sede do Executivo local, ele fizeram um ato que durou cerca de 30 minutos. De acordo com a Polícia Militar do DF, 200 ônibus participaram da manifestação.
 
 
O presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Transporte Terrestres de Passageiros Urbanos, Interestaduais, Especiais, Escolares, Turismo e de Cargas do DF (Sittrater-DF), Jorge Farias, afirmou que vai se reunir com representantes da Secretaria da Segurança Pública e da Paz Social às 16h30 desta sexta-feira. Segundo Farias, se os índices de violência não diminuírem em 60 dias, a categoria fará uma nova paralisação.

publicidade

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.

publicidade