SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Campanha no CCBB arrecada brinquedos para presentear crianças carentes

O objetivo da ONG é arrecadar brinquedos para 450 crianças de diversas creches e entregá-los na festa de Natal da instituição

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 19/11/2016 16:37

Renata Rusky /Revista

Hugo Gonçalves/Esp. CB/D.A Press

O Km do Brinquedo, tradicional campanha de recolhimento de brinquedos novos e usados para presentear crianças carentes no Natal, já começou. Neste sábado (19/11), a Sonhar Acordado, ONG responsável pelo projeto organizou um evento no Centro Cultural Banco do Brasil para receber mais contribuições, divulgar a ação e embrulhar os presentes já recolhidos. "Nós temos tanto projetos que formação de valores com essas crianças quantos projetos de atender as necessidades materiais delas. Dar esses presentes a elas é uma forma de valorizá-las", explica Raquel de Campos, diretora regional da instituição.

O objetivo da ONG é arrecadar brinquedos para 450 crianças de diversas creches e entregá-los na festa de Natal da instituição, que acontecerá em 11 de dezembro. Caso as doações ultrapassem a meta estabelecida, Tiago Fumian, diretor de um dos projetos permanentes da Sonhar Acordado, garante que têm uma lista de outros estabelecimentos aonde levarão os presentes remanescentes.

Raiana Santos, 25, assistente administrativa, é diretora de grandes festas da ONG. Ela está à frente da organização da celebração de Natal em que serão entregues os brinquedos. Segundo ela, o Km do Brinquedo está valendo até 10 de dezembro. Quem quiser doar, basta entrar em contato com os integrantes por meio da página no Facebook deles ou enviando uma mensagem para o endereço de e-mail superacao.brasilia@sonharacordado.org.br. Os 250 voluntários também podem buscar os objetos onde for melhor para o doador.

O evento Km do Brinquedo já foi diferente, embora com o mesmo objetivo. A primeira edição era organizada pela ONG Gente Nova. Ela ficou responsável pelo projeto até 2010. Eles enfileiravam todos os brinquedos doados e o Inmetro media o tamanho dessa fila. O nome do projeto veio daí.

publicidade

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.

publicidade