SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Ação de combate ao Aedes aegypti mobiliza moradores da Candangolândia

Caminhões do GDF recolheram 35 toneladas de entulho da Candangolândia entre esta segunda-feira (28) e esta terça (29)

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 29/11/2016 15:24 / atualizado em 29/11/2016 15:31

Gabriel Jabur/Agência Brasília
 
O Governo do Distrito Federal recolheu 35 toneladas de entulho da Candangolândia entre esta segunda-feira (28) e esta terça (29). Os trabalhos fazem parte de uma ação de combate ao Aedes aegypti. Funcionários da Vigilância Ambiental também orientaram a população sobre o combate. Entre os materiais retirados das ruas estavam sofás, camas, vasos sanitários, guarda-roupas e até geladeiras. O lixo recolhido terá como destino final o aterro controlado do Jóquei.

Leia mais notícias em Cidades

O governo destacou um contingente de 50 funcionários, quatro caminhões com carroceria, outros sete com caçamba e dois tratores. A força-tarefa foi composta pela administração regional, o Serviço de Limpeza Urbana (SLU) e pela Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil (Novacap). Os responsáveis também pediram apoio à população. Agentes da Vigilância Ambiental e a da Diretoria de Atenção Primária à Saúde, da Secretaria de Saúde, orientaram os moradores sobre os cuidados em relação ao combate ao inseto e recomendaram todos a colocarem materiais sem uso na porta de casa, para que os caminhões recolhessem.

Um dos focos da ação foram os pontos limítrofes da cidade. Segundo o administrador regional, Cleudimar Sardinha, moradores costumam jogar entulhos nas áreas verdes que cercam a Candangolândia. “Somo contornados por um cinturão verde e, nesses espaços, as pessoas costumam descartar, de maneira irregular, todo tipo de sujeira”, disse. Segundo os dados do último Informativo Epidemiológico da Secretaria de Saúde, a cidade é a quarta com menor índice de incidência de casos suspeitos de dengue, com 33. Ficou atrás somente de Sudoeste/Octogonal (30), Park Way (24) e Setor de Indústria e Abastecimento (0).
 
Com informações da Agência Brasília.

publicidade

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.

publicidade