DF terá diversos eventos religiosos para celebrar a Semana Santa; confira

Na Sexta-feira da Paixão, o Morro da Capelinha espera receber 100 mil fiéis; já na Catedral, missas e via-sacra marcam a data

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 13/04/2017 06:00

Minervino Junior/CB/D.A Press
 

 

A semana mais importante do calendário cristão tem nestas quinta e sexta-feira (13 e 14/4) duas esperadas celebrações. Na capital federal, a missa do lava-pés levará centenas de fiéis à Catedral Metropolitana de Brasília, às 20h desta quinta. Na sexta, será a vez de os últimos momentos de Cristo serem relembrados em várias cidades do DF (veja abaixo), em especial no Morro da Capelinha, em Planaltina, onde são esperadas mais de 100 mil pessoas.

 

Leia mais notícias em Cidades 


Em Planaltina, as comemorações pascais começam hoje, às 20h, com uma procissão, seguida pelas encenações da Santa Ceia e da prisão de Cristo. A celebração será no estacionamento do Ginásio de Múltiplas Funções da cidade. Amanhã, a tradicional encenação da via-sacra seguirá por todo o Morro da Capelinha, a partir das 16h, quando também haverá uma homenagem à Nossa Senhora de Fátima.

O Grupo Via-Sacra, da Paróquia de São Sebastião, responsável pela 44ª edição do evento, trabalha na organização do espetáculo desde o fim do carnaval. “É importante que as pessoas se hidratem bem e mantenham uma boa alimentação, porque o espetáculo dura em torno de 5 horas”, alerta o coordenador-geral de encenação, Uarlen Dias. Por 2017 se tratar de um ano mariano, ele convida os fiéis a usarem alguma camiseta ou adereço com imagens de Nossa Senhora para homenageá-la. No sábado, será a vez de as crianças também encenarem a via-sacra, às 16h30. No domingo, o estacionamento do ginásio receberá shows de bandas católicas, a partir das 19h.

A Catedral Metropolitana de Brasília contará com programação especial de hoje a domingo. O arcebispo de Brasília, cardeal Sérgio da Rocha, será responsável pelas celebrações. Hoje, às 9h, a missa dos santos óleos reproduzirá a tradição de bênção dos três óleos eucarísticos e contará com a presença de todo o clero da capital. Às 20h, será celebrada a missa do lava-pés, seguida pela cerimônia de adoração ao santíssimo sacramento.

O pároco da Catedral Metropolitana, João Firmino, contou que, na ocasião, integrantes da comunidade católica participarão da cena. “Os bispos lavarão os pés de 12 pessoas. Geralmente, escolhemos seminaristas que atuam em grupos da Catedral”, explicou. Na sexta-feira, também haverá via-sacra na Catedral. A celebração terá início às 15h — com ritos litúrgicos, adoração da cruz e comunhão — e terminará com uma reflexão sobre os últimos momentos de Jesus, conhecidos como 14 estações. O sábado terá a vigília pascal, a partir das 20h, e, no Domingo de Páscoa, serão realizadas três missas: uma às 8h30, com o bispo auxiliar dom Marcony Ferreira; a segunda, às 10h30, presidida pelo arcebispo de Brasília; e a última, às 18h, celebrada pelo pároco da Catedral.

Este ano, são esperadas em torno de 2 mil pessoas em cada um dos quatro dias de celebração na Catedral. A procissão de via-sacra será no quadrilátero central do Eixo Monumental e consistirá em uma caminhada com origem e destino na própria arquidiocese. O único diferencial no trânsito será a interdição da faixa esquerda da via — no sentido do Congresso Nacional.

Preparativos


A apresentação no Morro da Capelinha mobilizará em torno de 1,4 mil pessoas na produção do evento. Desse total, 900 são atores. Os organizadores esperam mais de 100 mil pessoas apenas na sexta-feira. A Secretaria de Segurança Pública e da Paz Social (SSP-DF) organizará grupos de unidades especializadas, como o de Rondas Ostensivas Táticas Motorizadas (Rotam), o de Patrulhamento Tático Móvel (Patamo) e o de Regimento de Polícia Montada (RPMon). O número de policiais envolvidos não foi divulgado pela secretaria por questões de segurança e estratégia.

O Corpo de Bombeiros também estará presente com 215 militares e 44 viaturas. O Departamento de Trânsito do DF (Detran-DF) contará com 48 agentes no local, 24 viaturas, um helicóptero, dois guinchos e uma empilhadeira. Já a Secretaria de Saúde encaminhará duas duplas de motos e duas ambulâncias.

A Companhia de Saneamento Ambiental do DF (Caesb) também distribuirás mais de 13 mil litros de água em cinco pontos fixos, na entrada e ao longo da subida para o Morro da Capelinha. O evento em Planaltina também terá um serviço com foco na localização de crianças perdidas. Os participantes poderão contatar a Polícia Militar, o CBMDF e a equipe do Detran por meio do aplicativo WhatsApp para informar sobre o desaparecimento ou comunicar que uma criança foi encontrada.

 

 


Programe-se

Confira os locais onde haverá encenação dos últimos momentos de Cristo no DF, na Sexta-feira da Paixão

» Catedral Metropolitana de Brasília (Eixo Monumental): às 15h
» Paixão de Cristo no Morro da Capelinha (Planaltina): às 16h
» Santuário São Francisco de Assis (915 Norte): às 17h
» Santuário Santíssimo Sacramento (606 Sul): às 17h30
» Paróquia Sagrado Coração de Jesus e Nossa Senhora das Mercês (615 Sul): às 15h
» Pastoral do Surdo de Brasília — Inoseb (914 Sul): às 14h (oração da via-sacra)
» Paróquia São Paulo (Incra 8 — Brazlândia): às 19h30 (entrada: 1kg de alimento não perecível)
» Capela Divina Misericórdia (Vila São José — Brazlândia): às 7h30
» Paróquia dos Evangelistas São Marcos e São Lucas (P Norte): às 16h30
» Paróquia São Francisco de Assis (QNM 7/9): às 15h
» Paróquia Sagrado Coração de Jesus (QNM 30): às 16h30
» Paróquia Senhor Bom Jesus (Setor O): às 15h
» Paróquia São José Operário (QNQ 5): às 15h
» Paróquia da Natividade (QNN 21/23): às 17h
» Nossa Senhora da Divina Providência (P Sul): às 13h30
» Paróquia Santa Teresinha (Cruzeiro Novo): às 18h30
» Paróquia São Sebastião (Gama): às 17h
» Paróquia São Paulo Apóstolo (Guará): às 14h
» Paróquia Nossa Senhora do Lago (Lago Norte): às 9h
» Paróquia Santa Maria dos Pobres (Paranoá): às 16h30
» Paróquia Divino Espírito Santo Paráclito (Vargem Bonita): às 19h30
» Paróquia Santa Rita de Cássia (Planaltina): às 18h
» Paróquia São Gabriel Arcanjo (Recanto das Emas): às 18h
» Paróquia São Miguel Arcanjo (Recanto das Emas): às 9h
» Paróquia São Domingos Sávio (Riacho Fundo I): às 8h
» Paróquia Nossa Senhora da Medalha Milagrosa (Riacho Fundo II): às 15h
» Paróquia Santo Inácio de Loyola (Samambaia Sul): às 9h
» Paróquia Nossa Senhora das Graças (Samambaia Norte): às 16h30
» Paróquia São João Evangelista (Samambaia Sul): às 6h
» Igreja Nossa Senhora Aparecida (Samambaia Norte): às 6h, às 9h, às 12h e às 19h
» Igreja Nossa Senhora das Dores (Samambaia Sul): às 6h, às 9h, às 12h e às 19h
» Santuário Mãe Rainha de Schoenstatt (Lago Norte): às 9h e às 14h
» Paróquia Nossa Senhora de Fátima (Taguatinga Sul): às 19h
» Paróquia São João Batista (Taguatinga Norte): às 17h
» Paróquia São Sebastião (Taguatinga Norte): às 15h
» Paróquia Imaculado Coração de Maria (Taguatinga Norte): às 20h

O que abre e fecha no feriadão


Comércio

» As lojas de rua e de shoppings da capital estarão fechadas na sexta-feira. No sábado, reabrem normalmente. Já no domingo, as lojas de shoppings abrem das 14h às 20h e as de rua terão liberdade para optar pelo melhor horário. Bares e restaurantes funcionarão todos os dias do feriado. Já os supermercados não abrirão na sexta-feira, porém, funcionarão no sábado e no domingo.

Bancos

» Não haverá atendimento nas agências bancárias na sexta-feira. Boletos e carnês com vencimento na data podem ser pagos até o próximo dia útil (segunda-feira), sem incidência de multas, ou nos caixas eletrônicos.

Segurança
» Somente as Centrais de Flagrantes fiarão abertas ininterruptamente. O restante das delegacias estará fechado durante todo o feriado e o fim de semana. A Polícia Civil atuará em esquema de plantão — a Delegacia Eletrônica e o telefone 197 estarão disponíveis 24 horas.

DFTrans
» De sexta a domingo, só estarão em funcionamento a bilheteria do BRT (Park Way, Santa Maria e Gama), da Rodoviária do Plano Piloto e o posto do Sistema de Bilhetagem Automática (SBA/DFTrans), na galeria da Estação Central do metrô.

Saúde
» Hospitais regionais e Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) permanecerão abertos durante todo o feriado para atender apenas casos emergenciais.

Hemocentro
» Fechará na sexta e reabrirá no sábado, das 7h às 18h.

Na Hora
» Estarão fechados na sexta e no fim de semana.

Procon
» Fechará na sexta e no fim de semana.

Metrô

» Funcionará em horário reduzido na sexta-feira, das 7h às 19h. No fim de semana, o horário permanece o mesmo: das 6h às 23h30, no sábado, e das 7h às 19h, no domingo.

Ônibus
» No dia do feriado, seguirão a tabela de domingo, com 40% da frota em circulação. No fim de semana, segue a tabela normal.

Conjunto Cultural da República
» O Museu Nacional permanecerá aberto em horário regular durante todo o feriado, de terça a domingo, das 9h às 18h30. Enquanto a Biblioteca Nacional somente não abrirá na sexta-feira. Aos sábados e domingos, ela funciona das 9h às 18h.

Museus
» Os museus do Catetinho e da Memória Candanga permanecem com a programação normal, das 9h às 17h, de sexta a domingo. E o Memorial dos Povos Indígenas funciona em horário de fim de semana, inclusive na sexta-feira, das 10h às 17h.

Feiras

» Feira da Torre: abre normalmente durante todo o feriado, das 9h às 17h.

 

 

Feira do Guará: apenas a peixaria da feira funcionará na sexta-feira, até as 14h. O restante dos dias funciona em horário regular, das 8h às 18h.


Feira dos Importados: estará fechada na sexta-feira, mas nos outros dias funciona em horário normal, das 9h às 18h.

Parques

» O Jardim Botânico de Brasília estará fechado na sexta-feira, mas funcionará normalmente no fim de semana, das 9h às 17h. O Parque Nacional de Brasília também fechará na sexta e abrirá nos dias restantes, das 8h às 16h.

Zoológico

» Funcionará normalmente todos os dias, das 8h30 às 17h.

Eixão do Lazer

» A via estará aberta para o público na sexta-feira e no domingo, das 6h às 18h.

Espaços Culturais
» A Casa do Cantador, em Ceilândia Sul, e o Centro Cultural Três Poderes, na Esplanada, funcionam em horário normal, das 9h às 18h. O Cine Brasília também funciona regularmente, das 14h às 20h.

 

* Estagiária sob supervisão de Sibele Negromonte 

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.