SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Fiéis lotam a Catedral para a Vigília Pascal neste Sábado de Aleluia

A cerimônia, que precede o Domingo de Páscoa, marca a espera pela ressurreição de Cristo para os católicos

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 15/04/2017 21:14 / atualizado em 15/04/2017 21:38

 
Centenas de fiéis se reuniram na Catedral Metropolitana de Brasília, na Esplanada dos Ministérios, na noite deste sábado (15/4) para celebrar a Vigília Pascal, uma das mais importantes solenidades da Semana Santa para a Igreja Católica. 
 
 
A cerimônia começou às 20h do lado de fora da Catedral. Depois de o Cardeal Sérgio da Rocha acender o Círio Pascal (as chamas da grande vela que simbolizam, para os católicos, a destruição das trevas por Jesus), os fiéis o acompanharam para dentro da igreja. 

O aposentado José Gomes, 65, destacou a importância da cerimônia na Semana Santa. “Representa a ressurreição de Cristo e é, como a sexta e o domingo, um dos dias mais importantes”, comenta.

O estudante Eric Campos, 26, veio do Rio de Janeiro para visitar um amigo e, mesmo longe de casa, fez questão de acompanhar a celebração. E levou o amigo junto. “Essa missa é o resumo de uma vida toda e é a mais importante de todas as missas do ano”, acredita.

Amanhã, domingo de Páscoa, haverá três missas para marcar a ocasião às 8h30, às 10h30 e às 18h. As missas serão celebradas, respectivamente, por Dom Marcony, Dom Leonardo e Padre João Firmino. 

Sábado Santo

A Vigília Pascal é considerada uma das principais celebrações e “a mãe de todas as vigílias” do ano litúrgico para a Igreja Católica. A solenidade, que ocorre no Sábado Santo (noite que precede a celebração da ressurreição de Cristo), é, para os católicos, também, uma oportunidade de renovação dos votos do batismo. A importância da celebração está justamente na espera dos fiéis pela notícia de que Jesus ressuscitou.

Além disso, o Sábado de Aleluia também tem a simbologia de lembrar as dores de Nossa Senhora. Para os católicos, o momento é de recordar o sofrimento que Maria de Nazaré teve, desde o nascimento de Jesus, e a dor ao ver o filho partir.

Dom Sérgio da Rocha

Arcebispo de Brasília, Dom Sérgio da Rocha foi ordenado pelo Papa Francisco como cardeal em novembro do ano passado. A posição de cardeal é uma das mais altas da Igreja Católica e tem a função de auxiliar o Papa em diversos assuntos.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.