Matérias de exatas marcam segundo dia do vestibular para a UnB

Mais de 20 mil inscritos realizam provas de vestibular para a Universidade de Brasília (UnB) em 22 locais do DF e Goiás. Eles concorrem a 2.105 vagas distribuídas por 98 cursos. Medicina, direito e psicologia são os mais concorridos. Gabarito oficial deve sair em 11 de julho

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 11/06/2017 08:00 / atualizado em 10/06/2017 20:57

Ed Alves/CB/D.A Press

O segundo dia de vestibular da Universidade de Brasília (UnB) continua neste domingo com as 150 questões de biologia, física, química e matemática. Ontem, segundo o Centro de Seleção e de Promoções de Eventos (Cespe), a abstenção ficou em 8,38%.  No primeiro dia de prova, os candidatos responderam questões de língua estrangeira, português, literatura, geografia e história, artes, filosofia e sociologia. Ontem, também foi o dia da tão esperada redação. Os 21.139 concorrentes disputam, ao todo, 2.105 vagas em 98 cursos de graduação distribuídos entre os campi Darcy Ribeiro, da Asa Norte, Ceilândia,  Gama e Planaltina. Os portões abrem hoje às 12h e fecham às 13h10.
 
 
Os cursos mais concorridos são medicina, com 239,05 inscritos por vaga, seguido dedireito (diurno), com 33,83 candidatos por cadeira, e psicologia, com 32 concorrentes para cada chance. O estudante João Victor Abdala, 18 anos, é um dos que concorrem a umas dessas vagas para iniciar o sonho de ser médico. Ele veio especialmente de Cuiabá, capital de Mato Grosso, para fazer o vestibular. O rapaz diz gostar do estilo tradicional da prova da universidade brasiliense. “Apesar de ter muitos candidatos, estou confiante. Em comparação com as outras edições, tenho a impressão de que a prova está ficando mais fácil com o passar dos anos ou então, eu tenho estudado mais”, brincou.

Há 30 anos, o pai de Eduarda Sabá foi entrevistado pelo Correio momentos antes de entrar no local da prova. Com o resultado em mãos, viu o nome estampado em primeiro lugar no curso de medicina. Hoje, a jovem sonha em ser cirurgiã e quer repetir o feito do pai. “Tomara que a história se repita. Estudei, desde o início, com muito foco. É difícil, mas vai valer a pena. Vou confiar em Deus, deixar que Ele controle a situação, pois eu sei que fiz minha parte”,  disse.

Os pais também fazem parte de toda a apreensão que a prova traz. O jardineiro Manoel Alves, 54, pegou um ônibus às 10h20, em Santa Maria, com a filha, para não se atrasarem para a prova. Para ele, é um orgulho acompanhá-la após o esforço que fez durante meses. “Ela não chegou a fazer cursinho, e estudou em casa mesmo. Fico muito feliz e espero que dê tudo certo, pois minha filha é muito dedicada e merece. Eu dou todo apoio que posso”, confessou. Manoel ficou em frente ao prédio em que a estudante fez a prova até ela sair.

A previsão é que o gabarito oficial preliminar dos itens tipos A, B e C sejam divulgados em 14 de junho. Já o gabarito oficial está previsto para 11 de julho. As provas são realizadas em 22 locais, distribuídos pelo Distrito Federal, em cidades como Brasília, Brazlândia, Ceilândia, Gama, Planaltina, Sobradinho e Taguatinga, além de Formosa (GO), Valparaíso (GO), Goiânia (GO) e Uberlândia (MG).

Fique atento

A recomendação é que o candidato compareça às provas com, no mínimo, uma hora de antecedência. Os inscritos devem levar documento de identidade original, comprovante de inscrição ou de pagamento da taxa de inscrição, além de caneta esferográfica com tinta preta, fabricada em material transparente. Alimentos precisam estar em embalagem transparente, assim como água, suco ou refrigerante. É proibido levar lápis, lapiseira, borracha e marca texto. Também não é permitido o uso de aparelhos eletrônicos, relógios e acessórios de chapelaria.


21.139 concorrentes disputam, ao todo, 2.105 vagas em 98 cursos de graduação distribuídos entre os campi Darcy Ribeiro, da Asa Norte, Ceilândia, Gama e Planaltina
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.