Arraiás em paróquias embalam o mês de junho no Distrito Federal

No Brasil, as influências portuguesas trouxeram as festas juninas como homenagem a três santos católicos: São João, Santo Antônio e São Pedro

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 13/06/2017 06:03

Carlos Moura/CB/D.A Press
 
É justamente na época de festas juninas que a canjica, o bolo de milho, os caldos, o arroz carreteiro e a pamonha se transformam no prato principal para muita gente. Até o cachorro-quente, lanche comum no dia a dia, ganha um gosto especial. E, quando se fala em eventos com boas comidas, é impossível não lembrar das tradicionais festas de igreja, afinal as comemorações juninas surgiram com motivos religiosos.


Leia mais notícias em Cidades


A tradição de eventos no mês de junho era uma festa pagã em comemoração à fertilidade da terra e boa colheita, principalmente do milho. No Brasil, as influências portuguesas as trouxeram como homenagem a três santos católicos: São João (dia 24), Santo Antônio (hoje) e São Pedro (dia 29). Os motivos se misturaram e transformaram os eventos em grandes festas religiosas, com abundância de comidas feitas do milho, como pamonha, pipoca, canjica e bolo.

Não são apenas esses santos que ganham festas nesta época, que por aqui vai de maio a agosto. A Paróquia Imaculado Coração de Maria (Park Way) é um exemplo disso. “Nossa festa ficou conhecida como junina por causa das comidas típicas e atrações, mas é em homenagem à padroeira. Este ano, queremos recuperar esse significado e vamos mudar nossas estratégias”, conta uma das organizadoras do evento Núbia Vanessa Barros.

O objetivo principal da festa, realizada há mais de 20 anos, é evangelizar. As atrações, antes de música sertaneja, serão bandas católicas e não será vendida bebida alcoólica. Núbia ressalta que, no último ano, cerca de 9 mil pessoas visitaram o local durante os três dias de evento (leia serviço abaixo).

Outra festa muito conhecida na cidade é a da Paróquia Santo Antônio (911 Sul). Realizada no colégio de mesmo nome, ela começa com a trezena do santo e termina com cinco dias de festa. Hoje, o evento começa às 18h e vai até as 23h. Os ingressos estão à venda na secretaria paroquial e custam R$ 8. Crianças até 10 anos e idosos acima de 60 anos não pagam.

A estudante Amanda Corcino é frequentadora da festa  há mais de cinco anos. “Estudava ali perto, então eu e meus amigos sempre vamos. Ela é bem tradicional, tem comidas ótimas e é sempre um momento para reencontrar meus amigos de escola. Todo ano combinamos de ir juntos, já é tradição!”

Em família

 
Uma característica marcante das festas de igreja é que elas são feitas para toda a família. É comum ver crianças brincando com bombinhas e se lambuzando com as comidas, assim como jovens, adultos e idosos. O analista administrativo Thalles Silva costuma ir com a filha de 7 anos e com a mãe a esses eventos. “É uma mistura entre uma festa que eu gosto e a fé, uma mescla de cultura. O ambiente é bem familiar e posso levar minha filha Luísa, sempre vamos à São Pedro Apóstolo (P Sul), Perpétuo Socorro (Ceilândia) e Imaculado Coração de Maria (Park Way).”

Além do ambiente familiar, os sabores e preços são um forte atrativo para os frequentadores. Verônica Galeno é estudante e adora festas juninas, mas tem uma queda especial pelas de igreja. Católica, ela destaca a variedade de comidas e os preços como algo comum e positivo. “Os valores costumam ser mais acessíveis do que as grandes festas e isso é muito bom, visto que quem frequenta tem interesse em experimentar grande parte dos pratos”, complementa.


Celebrações de junho


» Santo Antônio (hoje)
» São João (24)
» São Pedro (29)

Dia de Santo Antônio Celebrações de missas

Paróquia Santo Antônio — Asa Sul
Endereço: SGAS 911, Módulo B
Horários: 6h, 7h15, 8h30, 10h, 12h, 15h, 17h, 18h30 e às 20h

Paróquia Santo Antônio —  Ceilândia
Endereço: QNM 29, Módilo K — Sul
Horário: 19h

Festas juninas em igrejas

PLANO PILOTO

Festa de Santo Antônio
Paróquia Santo Antônio
(SGAS 911 Sul, módulo B;
3345-3246 / 3345-0106)
Hoje, festa a partir das 18h. Comidas típicas, shows musicais, quadrilhas e jogos. Entrada R$ 8 (crianças e idosos não pagam). Classificação indicativa livre.

Arraiá da Guadalupe
Paróquia Nossa Senhora de Guadalupe
(311/312 Sul; 3245-2688)
Dias 16, 17 e 18 de junho, às 19h. Vai ter galinhada, arroz-doce, pastel e muito mais. Entrada franca. Classificação indicativa livre.
 
Arraiá da Paróquia Perpétuo Socorro
Paróquia Perpétuo Socorro 
(SHIS EQL 6, cj A, Lago Sul) 
Dias 23 e 24 de junho, às 18h. 
Com muita comida típica, 
bebidas, caldos e quadrilhas. 
Entrada franca. Classificação 
indicativa livre.

Festa junina do Santuário São Francisco
Santuário São Francisco
(SGAN 915; 3447-7039)
Dias 17 e 24 de junho, às 20h. 
Comidas típicas e apresentações 
da Banda Forró com Site e Quadrilha Xamegar. Entrada R$ 3. 
Classificação indicativa livre.
CEILÂNDIA

36º Festa do Padroeiro
Paróquia São Pedro Apóstolo
(QNP 12/16, P Sul)
Dia 25 de junho, às 18h. Barraquinhas 
de comidas típicas e brincadeiras 
e música ao vivo com Moises Mosehr & Luiz Borges e Clima de Samba. 
Entrada franca. Classificação 
indicativa livre.

PARK WAY

Festa da padroeira
Paróquia Imaculado Coração de Maria
(Q 5, Conjunto 13, Lote 1, AE, Park Way — Próximo a Águas Claras)
Dias 23, 24 e 25 de junho, às 19h30. Tradicional festa com música, barraquinhas e muita diversão. 
Entrada franca. Classificação 
indicativa livre.

SANTA MARIA

Valei-me Santo Antônio, a festa Paróquia Sagrada Família de Nazaré (QRC 10, Residencial Santos Dumont, Santa Maria)
Dia 17 de junho, às 20h30. Barraquinhas de comidas típicas, músicas e brincadeiras tradicionais. Entrada: R$ 50 (a mesa para quatro pessoas com direito a brinde). Classificação indicativa livre.
  
TAGUATINGA

Arraiá da Caridade
Paróquia São Vicente de Paulo
(QSE 11/13, Área Especial nº 1, Vila Dimas, Taguatinga Sul; 3356-5210)
De 16 a 18 de junho, às 20h. Shows com bandas Quatro Estações, e Backstage e DJ Alexandre Nunes. Entrada: R$ 3. Classificação indicativa livre.

Arraiá São José Paróquia São José
(CND, Praça do Bicalho, Taguatinga Norte)
De 30 de junho a 2 de julho, às 18h. Barraquinhas, música e diversão. Entrada franca. Classificação indicativa livre.

*Estagiária sob supervisão de José Carlos Vieira.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.
 
Ednei
Ednei - 13 de Junho às 09:46
Na festa da Paróquia Imaculado Coração de Maria (Park Way) no ano passado jovens consumiram álcool e estouraram uma adolescente de 13 anos. Talvez esse seja o principal motivo para não terem álcool esse ano.