Suspeitos ateiam fogo a quiosque de cachorro-quente após briga na Asa Norte

Dono do estabelecimento sofreu queimaduras no rosto, nos braços e nas costas após o incêndio no quiosque de cachorro-quente

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 10/09/2017 07:41 / atualizado em 10/09/2017 15:08

O dono de um quiosque de cachorro-quente sofreu queimaduras no rosto, nos braços e nas costas após um incêndio no estabelecimento dele. O incidente aconteceu na Entrequadra 710/711 Norte, na madrugada deste domingo (10/9). Segundo informações do Corpo de Bombeiros, por volta das 3h30, uma equipe da corporação foi deslocada para atender a ocorrência.
 
 
Chegando ao local, os bombeiros socorreram Adriano José Alves Costa, 42 anos, proprietário do estabelecimento. Ele foi atendido consciente, orientado e encaminhado para o Hospital Regional da Asa Norte (Hran).
 
Segundo relato dos funcionários do quiosque, o incêndio teria sido intencional. Os suspeitos de atear fogo ao local discutiram com Adriano e, posteriormente, lançaram gasolina ao comércio, que fica próximo ao Bloco F da quadra.

A Polícia Militar foi acionada para preservar a cena do crime e os envolvidos encaminhados para a 2ª Delegacia de Polícia (Asa Norte), que investiga o caso.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.