GDF assina decreto para regularizar parcelamento de lotes no Tororó

Com a medida, 1,5 mil moradores da região podem, agora, ter benefícios básicos - como coleta seletiva, segurança e iluminação das vias de acesso

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 07/10/2017 10:03 / atualizado em 07/10/2017 16:15

O governador do Distrito Federal Rodrigo Rollemberg assinou, na manhã deste sábado (7/10), três decretos para regularizar o parcelamento dos lotes Estância Del Rey, Santa Bárbara e Jardim Atlântico Sul, no Setor Habitacional Tororó. Com a medida, 1,5 mil moradores da região podem, agora, ter benefícios básicos - como coleta seletiva, segurança e iluminação das vias de acesso. 
 
 
Os três loteamentos são parte de Santa Maria e a promessa do GDF é que a região também ganhe um Jardim Botânico nos próximos anos. Além disso, o Instituto Brasília Ambiental (Ibram) aprovou um projeto de macrodrenagem para o Tororó e contratou planos de manejo para os dois parques da região. 

O parcelamento do Jardim Atlântico Sul foi o primeiro a ser aprovado pelo Conselho de Planejamento Territorial e Urbano do DF (Conplan), em dezembro do ano passado. Ao todo, são 187 lotes residenciais unifamiliares, um lote residencial coletivo, um comercial, um para uso institucional coletivo, dois para equipamentos públicos comunitários e dois para equipamentos públicos urbanos. São mais de 836 moradores no local.  
 
A Estância Del Rey teve o parcelamento aprovado em maio de 2017. Ele contará com 90 lotes residenciais unifamiliares, dois para uso institucional coletivo, quatro para equipamentos públicos comunitários e dois para equipamentos públicos urbanos. São 326 habitantes.  
 
A última aprovação foi do parcelamento de Santa Bárbara, em agosto deste ano, que prevê 126 lotes residenciais unifamiliares, dois para uso institucional coletivo, três para equipamentos públicos comunitários e dois para equipamentos públicos urbanos. A estimativa é que esta última beneficie diretamente 416 pessoas.  


Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.