Justiça condena homem à 15 anos de prisão por homicídio

Pedro Alves dos Santos, 70 anos, é acusado de matar a vizinha com um tiro, após um desentendimento

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 10/11/2017 21:34 / atualizado em 11/11/2017 12:13

O Tribunal do Júri de Santa Maria, em conformidade com a decisão do júri popular, condenou, nesta quinta-feira (09/11), Pedro Alves dos Santos, 70 anos, a 15 anos de prisão, pelo homicídio de Maria de Fátima da Silva, vizinha do acusado. 
 
 
O crime aconteceu em 4 de junho de 2016 em uma via pública de Santa Maria, onde o réu atirou em Maria de Fátima. O assassinato foi motivado por desentendimentos entre os dois,  iniciados ao menos três anos antes, por conta da administração de uma horta comunitária na região. De acordo com as investigações, a vítima caminhava na rua quando o acusado se aproximou sem que ela percebesse e efetuou o disparo. Maria morreu no local do crime.
 
Pedro Alves foi condenado por homicídio duplamente qualificado, por motivo torpe e utilização de recurso que dificultou a defesa da vítima. Ele irá cumprir a pena, inicialmente, em regime fechado e não poderá recorrer da sentença em liberdade.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.