Presa quadrilha que assaltava condomínios no Lago Sul e no Itapoã

Os criminosos abordavam os moradores fingindo estar ali para entregar cartões de acesso aos condomínios

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 04/12/2017 10:59 / atualizado em 04/12/2017 12:24

D.A Press
 
 
Quatro suspeitos de roubos com restrição de liberdade em condomínios do Itapoã e Lago Sul foram presos na manhã desta segunda-feira (4/12). Além do cumprimento dos mandados de prisão temporária, a 6ª Delegacia de Polícia (Paranoá) apreendeu duas espingardas e uma grande quantidade de munições.


De acordo com a investigação, os criminosos abordavam os moradores com a alegação de que forneceriam cartões de acesso aos residenciais. Assim, a organização criminosa levantava informações sobre a rotina de cada um, o que facilitava a prática do roubo. Ao chegar às casas, os homens invadiam o local e rendiam as vítimas.

A Polícia Civil autuou os homens por roubo majorado e associação criminosa armada. A pena prevista é de sete a 16 anos de reclusão. A corporação investiga se há mais vítimas do bando.
 

Roubo com restrição de liberdade

 
Entre janeiro e outubro, houve o registro de 394 casos de roubo com restrição de liberdade no Distrito Federal. De acordo com dados da Secretaria de Segurança Pública e da Paz Social (SSP/DF), o número indica um aumento de 12,2% em relação ao mesmo período de 2016. Somente no décimo mês deste ano, foram 43 ocorrências.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.