Tribunal do Júri condena homem que matou para vingar morte do irmão

Edson Farias de Jesus matou uma pessoa e tentou matar outras três no fim de 2011. Ele foi condenado a a 27 anos e seis meses de prisão

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 06/12/2017 10:22 / atualizado em 06/12/2017 20:52

Quase seis anos após o crime, o Tribunal do Júri condenou Edson Farias de Jesus pela tentativa de homicídio de três pessoas e o assassinato de uma. De acordo com os autos, a motivação do homem foi vingança pela morte do irmão.
 
Os crimes aconteceram em 30 de dezembro de 2011, na via Estrutural. O réu respondeu ao processo em liberdade e poderá recorrer da sentença na mesma condição.
 
Edson teria fechado o carro em que as vítimas estavam, próximo ao viaduto Ayrton Senna, e atirado contra elas. Um dos homens seria o responsável pelo assassinato do irmão do condenado, Marco Aurélio Farias de Jesus.

O Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) pediu a condenação do réu, enquanto a defesa alegou que ele não seria o autor dos crimes. O homem foi condenado a 27 anos e seis meses de reclusão, em regime inicial fechado. O sentença saiu em 29 de novembro e a defesa do réu protocolou recurso no Tribunal de Justiça do DF e dos Territórios (TJDFT) na segunda-feira (4).

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.