Diversas atrações invadem Brasília e prometem uma semana cheia de diversão

Vai ter Blitz, Evanescence e shows em homenagem ao aniversário da capital

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 17/04/2017 07:30

Reprodução/Internet


Estética renovada
A banda, que fez parte da adolescência de muitos nos anos 2000 chega a Brasília nesta quinta-feira para um reencontro diferente com os fãs. Deixando o visual gótico e sombrio de lado, Evanescence sobe ao palco do Net Live Brasília (Shtn, Tc. 2, Cj. 5, Lt A; 3306-2030), para uma apresentar uma coletânea de seus maiores sucessos. A banda celebrará os mais de 20 anos de estrada e tocará hits como: Bring me to life, My immortal e Call me when you’re sober. Os ingressos variam entre R$ 120 e R$ 250 (meia-entrada) e podem ser adquiridos na central de ingressos do Brasília Shopping ou na bilheteria do Net Live. Os portões serão abertos a partir das 20h. O evento não é recomendado para menores de 16 anos.




Cinema de qualidade
Para quem gosta de cinema diferenciado, existem duas opções divertidas. De quarta a domingo, o 9º Festival de Filmes Curtíssimos Lobo Fest exibe curtas de diversos lugares do mundo no Cine Brasília com entrada franca (programação no lobofest.com.br). Já no CCBB (SCES Tc. 2), de quarta até o dia 1º de maio, ocorrerá a Mostra de Filmes da Austrália, também com entrada franca. A classificação varia de acordo com o filme. Confira a programação no site bb.com.br/cultura



Cena brasiliense
Os apresentadores e comediantes, você provavelmente já conhece: Welder Rodrigues e Ricardo Pipo. Mas para esta edição do Jogo de Cena a dupla escolheu um tema bem local, eles estão dispostos a te fazer rir de várias cenas sobre o que é ser genuinamente brasiliense. A apresentação é no Teatro da Caixa (SBS, Q. 4, lt. 3/4; 99615-2405) na quarta, às 20h. O preço referente à meia-entrada é de R$ 10 e a classificação é de 12 anos.



Reflexão humana
Na próxima sexta, às 20h, chega a Brasília o espetáculo Quando se calam os anjos, com direção de Nicole Vanoni e coreografia de Airton Rodrigues. A peça propõe a reflexão sobre a precariedade das relações humanas, com uma boa dose de dança e questionamento. Para quem se interessou, a apresentação será no Teatro da Caixa (SBS, Q. 4,Lt. 3/4; 98100- 2753). Os ingressos custam R$ 10, a meia-entrada, e é recomendada para todas as idades.



Dose dupla
Nesta semana, Brasília recebe a mostra coletiva À vista — paisagem em contorno. Trata-se de uma mostra coletiva de fotografia, vídeo, objeto e instalação e está em cartaz a partir desta quinta-feira até o dia 4 de junho, de terça a domingo, das 10h às 21h, na Galeria Fayga Ostrower da Funarte (Eixo monumental). Outra exposição que chega a capital é O corpo é a casa, do artista austríaco Erwin Wurm, ao CCBB (SCES Tc. 2).  A mostra, aberta na sexta-feira, segue até 26 de junho, de quarta a segunda, das 9h às 21h. Os dois eventos têm entrada franca e classificação indicativa livre.



Parabéns, Brasília
Uma festa de aniversário que se preze pede shows gratuitos de Elba Ramalho, Raça Negra e Renato Teixeira. A Secretaria de Cultura está preparando uma programação especial para a cidade e, sexta-feira e sábado, Elba e Raça Negra se apresentam na Torre de TV, respectivamente. No domingo, é a vez de Renato Teixeira, que faz show de encerramento na Praça dos Três Poderes. Nos três dias, os shows começam às 18h, com apresentações de bandas da cidade.



Jantar com a Blitz
Para comemorar o aniversário de 57 anos, o Iate Clube de Brasília pensou grande e convidou a banda Blitz para ser a trilha sonora do jantar de celebração. A abertura, que fica por conta da banda Infinity, começa às 21h, com o jantar. O show não é vendido separadamente, e o jantar custa R$ 120, para sócios; R$ 180, para conveniados; e R$ 220, para não sócios. Crianças de até 7 anos não pagam, e de 8 a 14 anos pagam metade do valor. O evento não é recomendado para menores de 18 anos. No entanto, a entrada é permitida acompanhado dos pais ou responsáveis.



Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.