MasterChef Brasil: Filé fora do ponto elimina candidata

Natália Clementin deixou o reality da Band após perder as duas provas do dia

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 19/04/2017 08:27

Reprodução/Band
 
O episódio desta terça-feira (18) do MasterChef Brasil, Abel Chang, Aderlize Martins, Ana Luiza Teixeira, Caroline Martins, Deborah Werneck, Douglas Holler, Fabrizio Barata, Fernando Ferreira, Leonardo Santos, Michele Crispim, Mirian Cobre, Natália Clementin, Nayane Barreto, Taise Spolti, Valter Herzmann, Victor Vieira, Vitor Bourguingon e Yukontorn Tappabutt foram levados ao Ginásio do Ibirapuera para cozinhar para 200 pessoas - entre elas, estrelas do vôlei brasileiro como Fernanda Venturini, Fofão, Paula Pequeno e Virna Dias. Com um cardápio pré-selecionado (lasanha e sobremesa), os 18 participantes foram divididos em dois times.

Liderado por Deborah, o time azul contou com Taise, Natalia, Valter, Leonardo, Yuko, Victor, Mirian e Caroline e, com Abel no comando, o time vermelho foi formado por Fernando, Nayane, Ana, Fabrizio, Michele, Douglas, Vitor e Aderlize. Logo no início, as brigas entre os integrantes ameaçaram prejudicar a prova: Mirian hostilizou Taise por ter uma técnica de fazer massa diferente e, no time rival, Fabrizio reclamou de ter sido deixado sozinho com o preparo da carne - o time vermelho, por conta da desorganização, foi chamado de "incompetente" pelos jurados.

Ao final de duas horas de prova, a equipe azul serviu lasanha à bolonhesa ao molho bechamel  e a vermelha, lasanha de carne e cogumelos com molho de tomate e cogumelos. O time de Abel, no entanto, serviu 15 lasanhas a menos. Nas sobremesas, o time azul serviu mousse de limão siciliano com merengue e farofa de massa folhada e o vermelho, verrine de frutas caramelizadas e iogurte. Com 118 votos, a equipe de Abel, mesmo com todos os atropelos, ganhou a prova, e o time adversário foi direto para o desafio de eliminação.

Na segunda prova, o time azul precisou preparar uma receita típica francesa: filet mignon ao molho de mostarda. Por ser a líder, Deborah teve a oportunidade de salvar um dos participantes - e escolheu subir ao mezanino. A carne de Valter, servido com batatas rústicas e aspargo grelhado, ficou perfeita, de acordo com Paola Carosella. "Já foi para a França? Já foi a um bom bistrô francês?", perguntou a argentina. "Pois eu acabei de ir em um", completou. A de Natália, com batatas assadas e tomates confitados, ficou mal passada, mas saborosa, e o molho, com gosto de creme de leite. Taise apresentou uma carne ao ponto com um molho que também deixou a desejar. 

Yuko ousou com filé acebolado na cama de bacon com berinjela frita e foi aprovada por Jacquin, que julgou o prato bem construído e pensado. Paola, no entanto, não gostou do bacon e da berinjela. "Você é muito fofa e muito simpática", disse a jurada. "Sabe quanto isso importa pra gente na hora da avaliação? Zero". Apesar da apresentação "triste", o prato de Mirian foi elogiado pelos três jurados. Quem também pecou na apresentação foi Caroline, que serviu a carne com legumes "de regime", segundo Jacquin. "Tá muito pobrezinho, não se come isso com filet mignon", disse o francês. "Ficou com gosto de mostarda de sanduíche", opinou Paola. 

Leonardo, que serviu a carne apenas com gratin de batatas, conquistou Paola. "Você parece o filho que faz tudo direito, que a mãe adora", brincou ela. Jacquin também elogiou. "Parece que eu estou em Paris, perto da torre Eiffel. Só falta uma taça de vinho", disse o francês. Já Vitor apresentou um prato esquecível e triste. Mirian, Leonardo e Valter foram os três melhores da prova e o vencedor foi Valter. Taise, Natália e Yuko foram as piores e a eliminada da noite foi Natalia, por ter errado o ponto da carne e não ter feito molho suficiente. "Obrigada por ter trazido sua beleza ao programa", despediu-se Paola.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.