Niall Horan confirma show no Brasil em outubro

Cantor do grupo One Direction se apresentará no Rio de Janeiro; confira datas da turnê e preço dos ingressos

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 10/07/2017 15:00 / atualizado em 10/07/2017 15:08

Connor McDonnell/Divulgação

O integrante da banda One Direction Niall Horan anunciou que fará show no Brasil em 1º de outubro deste ano. A apresentação será no Vivo Rio e a venda de ingressos começa a partir desta sexta-feira (14/7), às 9h, pelo site Eventim, e às 12h, na bilheteria do Vivo Rio.

 

Após a banda One Direction anunciar uma pausa nas produções, em setembro do ano passado, Niall Horan lançou o single This town, primeira faixa de sua carreia solo. 

 

Há pouco mais de um mês, Harry Styles, outro integrante da One Direction anunciou vinda ao país. O show de Harry ocorre em maio de 2018, porém já tem os ingressos esgotados. 

 

A turnê de Horan chama-se Flicker sessions 2017 e conta com 21 apresentações ao redor do mundo, a partir de 29 de agosto. Além do Brasil, o cantor fará shows únicos na Austrália, México, Japão, Inglaterra, Suécia e em diversas cidades dos Estados Unidos.


Confira as datas

 

29/8 – Dublin, Irlanda

31/8 – Londres, Inglaterra

03/9 – Estocolmo, Suécia 

10/9 – Sydney, Austrália

14/9 – Tóquio, Japão

19/9 – Los Angeles, EUA

26/9 – Cidade do México, México

01/10 – Rio de Janeiro, Brasil

29/10 – Filadélfia, PA

31/10 – Nova Iorque, NY

01/11 – Toronto, Canadá

03/11 – Boston, MA 

04/11 – Washington, DC

06/11 – Miami, FL

09/11 – Orlando, FL

10/11 – Atlanta, GA

13/11 – Nashville, TN

15/11 – Rosemont, IL

17/11 – Dallas, TX

20/11 – Phoenix, AZ

22/11 – São Francisco, CA

 

 

Serviço

Flicker Sessions 2017 por Niall Horan

Vivo Rio (Av. Infante Dom Henrique, 85, Flamengo, Rio de Janeiro). 1 de outubro, às 18h30. Ingressos: R$ 220 (pista), R$ 280 (pista premium), R$ 280 (camarote A), R$ 260 (camarote B), R$ 270 (frisa) e R$ 220 (balcão). Não recomendado para menores de 16 anos.  

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.