Sambista Diogo Nogueira está entre as atrações da noite de hoje

Shows de mulheres sambistas, Renata Jambeiro e de quarteto com chorinho espalham música pela capital

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 24/08/2017 07:34 / atualizado em 24/08/2017 10:23

Reprodução/ internet

 

A música tem movimentado as quintas-feiras do brasiliense, com a apresentação de shows variados. Hoje, por exemplo, quatro eventos se espalham por diferentes pontos da capital. No projeto Na Praia Cultural, a cantora Renata Jambeiro é anfitriã de um dos sambistas mais populares da nova geração, o carioca Diogo Nogueira. Revelação do choro na cidade, Ian Coury lidera o quarteto que ocupa o palco do Espaço Cultural do Choro. O coletivo Mulheres de Samba apresenta Ive Lorena e Ju Rodrigues no Academia Café; enquanto o Clube do Violeiro de Brasília promove o 17º Encontro de Violeiros Caipiras, que tem início nesta noite, na Casa do Cantador, em Ceilândia.

Renata Jambeiro recebe em show, às 20h, no Na Praia Cultural, ninguém menos que Diogo Nogueira, sambista de grande popularidade em todo o país. “Abro os trabalhos, interpretando músicas que gravei nos CDS Sambaluayê, Fogaréu e Dança de Oyá, e clássicos do samba”, destaca a cantora. Ela tem a companhia da banda formada por Fernando César (violão 7 cordas), Pedro Vasconcellos (cavaquinho), Valério Xavier (baixo), Márcio Bezerra (sopros) Breno Alves (pandeiro e voz),Thiago Viégas (percussão e congas) e Sandro Santos (bateria). Em seguida, faz alguns números em duo com Diogo, que segue em frente revisitando sucessos do seu repertório.



Bandolinista de 15 anos, já com carreira internacional — inclusive com passagem pela Berklee College, em Boston (EUA) — Ian Coury se juntou, no início deste ano, a Farlley Derze (piano), Igor Diniz (contrabaixo) e Sandro Araujo (bateria) num quarteto, que prima pela qualidade. Hoje, às 21h, pelo projeto Prata da Casa, no Espaço Cultural do Choro, o grupo mostra riqueza rítmica, melódica e harmônica, a serviço de um repertório refinado, que inclui composições de Heitor Villa-Lobos, Tom Jobim, Jacob do Bandolim, Hermeto Pascoal, João Bosco e Hamilton de Holanda, entre outros mestres. “O que propomos é uma sonoridade diferenciada, que carateriza a personalidade artística do quarteto”, anuncia Ian.

Mulheres de Samba, o coletivo de sambistas que vem se destacando na cidade, propõe agora um novo formato para os shows que apresenta, visando ocupar espaços diversos. Hoje, às 20h, duas de suas representantes, as cantoras Ive Lorena e Ju Rodrigues fazem show no Academia Café, acompanhadas por Irene Egler (violão) e Mariana Sardinha (cavaquinho) e Yarra Alvarenga (percusão). Elas cantam samba de roda, ijexá e outros titmos baianos.

Programe-se
Na Praia Cultural  - Renata Jambeiro, acompanhada por banda, recebe o sambista Diogo Nogueira, hoje, às 20h, no projeto Na Paria (Orla Norte do Lago Paranoá). Ingressos: R$ 20 e R$ 10 (meia). Não recomendado para menores de 16 anos.

Prata da Casa – Show do quarteto formado por Ian Couri (bandolim de 10 cordas), Farlley Derze (piano), Igor Diniz (contrabaixo) e Sandro Araújo (bateria). Hoje e amanhã, às 21h, no Espaço Cultural do Choro (Eixo Monumental). Ingressos: R$ 40 e R$ 20 (meia para estudantes). Não recomendado para menores de 18 anos.

Mulheres de Samba – Show das cantoras Ive Lorena e Ju Rodrigues e grupo, hoje, às 20h, no Galeria Café (SCLN 201, Bloco A, Loja 67). Couvert artístico R$ 20. Classificação indicativa livre. 

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.